Salve-se quem puder

 

 

Enquanto alguns brigam pela liderança dos seus respectivos grupos, outros brigam para seguir vivos até às oitavas de final da UEFA Champions League. Assim vai ser o último dia de jogos da fase de grupos da maior competição Européia.

Se por um lado há times tranquilos, uma vez que já estão garantidos na próxima fase, outros fazem jogos de vida ou morte para continuar vivos, como por exemplo, o time russo Spartak de Moscou, que vai enfrentar o líder do grupo E, Liverpool no Anfield, e precisa vencer para seguir à diante. No entanto, os "Reds", não pretendem facilitar para os russos.

 

 

Foto: Facebook Oficial Liverpool

 

 

“Amanhã (quarta) será um jogo muito importante para nós. Eu não quero torná-lo maior do que é, mas é muito grande. Com todos os ingredientes ao redor, com toda a emoção e incerteza antes de um jogo. Estou empolgado e certo de que será um duelo emocionante, como deve ser a Liga dos Campeões” -  disse técnico do time inglês, Kloop.

 

 

Para o time de Kloop, o que está em jogo é a liderança do grupo, no qual irá lhe dar o direito de decidir os jogos da próxima fase em casa. Sabendo disso, Sadio Mané, sabe que o apoio do torcedor diante do Spartak será essencial para a equipe sair vitoriosa.

 

 

"Nós temos os melhores torcedores do mundo. Eles jogam junto toda vez que jogamos no Anfield."

 

 

O Spartak precisa de combinação de resultados simples para chegar às oitavas. Se vencer o Liverpool, avança na Champions. Se não conseguir os três pontos, vai ter que se contentar com a Liga Europa.

No outro confronto do mesmo grupo, o já eliminado Maribor vai receber o Sevilla, vice -líder do grupo E. Precisando apenas de um empate para prosseguir na competição, o time espanhol vai até a Eslovênia em busca de uma vitória. Pois o empate não faz parte dos planos dos espanhóis. E um dos destaques da equipe, o argentino Banega deixou claro os objetivos do time espanhol.

 

 

Foto: Sevilla Oficial

 

 

“Não viemos buscar um ponto. Estamos aqui para passar de fase com uma vitória” - garantiu o meio-campista argentino.

 

 

O técnico interino Ernesto Marcucci, que substitui Eduardo Berizzo (em tratamento de um tumor), não deve contar com N'Zonzi.

Já no grupo F, tem o Manchester City com 100% de aproveitamento, e nesta última rodada irá enfrentar os ucranianos do Shakhtar fora de casa. O time ucraniano ocupa a segunda posição do grupo com nove pontos. Um empate diante dos comandados de Pep Guardiola basta, para o Shakhtar carimbar o passaporte para a próxima fase. E o técnico do time inglês sabe que irá encontrar dificuldades para vencer o time ucraniano.

 

 

“Será um jogo complicado, porque o Shakhtar tem um time muito bom. Assisti ao jogo deles contra o Napoli e, mesmo perdendo, eles jogaram muito bem no primeiro tempo. Nosso primeiro jogo também mostrou o que eu esperava. Joguei contra eles muitas vezes e é sempre difícil” - analisou Guardiola.

 

 

O Shakhtar tem três pontos de vantagem sobre os italianos do Napoli, precisando apenas de um empate contra o City. Os ingleses pretendem manter a invencibilidade, mas com o clássico no próximo final de semana na Premier League, no qual irá duelar com os "Diabos Vermelhos", talvez vá a campo com time misto.

No outro confronto deste grupo, o Napoli vai até a Holanda enfrentar o já eliminado Feynoord. Só um milagre para colocar o time italiano na próxima fase, uma vez que vencer o time holandês não é o suficiente pra seguir. Além de vencer, o Napoli têm que torcer para o Manchester City derrotar o Shakhtar.

Com toda a certeza, o grupo mais disputado dos jogos desta quarta-feira, é o grupo G. Com o Besiktas classificado, a segunda vaga está sendo disputada ponto a ponto, vitória a vitória, gol a gol.

 

 

Foto: Besiktas Oficial

 

 

Porto e RB Leipzig estão na briga pela segunda vaga do grupo, ambas as equipes seguem com sete pontos. Porém, em caso de empate, o time português leva vantagem nos critérios de desempates, com uma vitória a mais.

O time português irá receber a equipe do Mônaco, no estádio do Dragão. E o técnico português está ciente de que independente do que aconteça, o trajeto feito pela equipe não será esquecida.

 

 

"Se por alguma coisa não passarmos, isso não vai apagar o trajeto desta equipe. Não vale a pena ter ansiedade, devemos ter consciência que somos uma equipa forte", frisou o treinador Sérgio Conceição.

 

 

Foto: Internet

 

 

Por outro lado, o Leipzig tem a missão de vencer os turcos em casa para conseguir passar de fase pela primeira vez na sua história. Até então, o Besiktas não perdeu, e a missão do time alemão é conseguir acabar com essa invencibilidade.

 

 

"O Besiktas é a equipe a ser batida em nosso grupo e queremos provar que somos capazes de vencer um time como esse na Liga dos Campeões. Nós vamos dar tudo absolutamente tudo o que temos", declarou o treinador do time alemão Ralph Hasenhüttl.

 

 

Por fim, o grupo H, no qual já está decidido. O time inglês, Tottenham lidera o grupo com treze pontos, e nesta última rodada vai receber a fraca equipe do APOEL. Em seguida vem o atual bicampeão da Europa, Real Madrid com dez pontos. Os merengues irão receber o time alemão do Borussia Dortmund.  Vindo de dois empates, os merengues não pretendem tropeçar mais uma vez jogando em casa e o técnico Zidane analisou o que se deve esperar deste confronto.

 

 

"Quando vejo a minha equipe, sinto que está bem. Temos que marcar mais gols. A situação não é a mais adequada na Liga, mas estou tranquilo pois mais cedo ou mais tarde tudo se altera. Há que continuar a trabalhar e em termos de jogo estamos bem. Não esqueço o que já fez esta equipe. Há momentos que demoram mais ou menos. Recordo-me do dia do Málaga, Las Palmas, Nicósia... marcamos gols e continuaremos a procurar a regularidade nesse aspecto".

 

 

Por outro, o Borussia vem mal no campeonato alemão e como já está desclassificado da Liga dos Campeões, o objetivo da equipe "Aurinegra", agora é a Liga Europa.

 

 

"Sabemos que há muito em jogo para o adversário. Nós estamos qualificados, mas esperamos fazer uma boa partida. Não olhamos para a situação do rival; olhamos para a nossa e isso implica fazer um bom jogo", disse Zidane em relação aos interesses nesse jogo do time alemão.

 

 

Foto: Real Madrid Oficial

 

 

Além do galês Gareth Bale machucado, o técnico Zidane não vai contar com o lateral direito Dani Carvajal, suspenso.

 


 

HALA MADRID

Rosileide Ribeiro