A LIDERANÇA É LOGO ALI, TRICOLOR!

Santa Cruz e Remo se enfrentam amanhã (05), às 16h00, no Mangueirão, pela 4ª rodada da série C

Buscando o topo da tabela, a Cobra Coral enfrenta o Leão no clássico regional. São 60 partidas entre as equipes, sendo 16 vitórias para cada lado e 9 empates (fonte: Remopédia). É certeza de uma partida movimentada e pegada no início ao fim.

;Treino tático na Curuzu

(Foto: Santa Cruz F.C.)

Novidades na Escalação

O tricolor pernambucano não poderá contar com o goleiro Tiago Machowski, vetado pelo departamento médico devido virose. Quem assume a vaga é Ricardo Ernesto, de volta à equipe principal depois de dois meses da última atuação.

Sem Machowski para a partida, Ricardo Ernesto assumirá a meta do Santa Cruz (Foto: Marlon Costa/Pernambuco Press)

(Foto: Marlon Costa / Pernambuco Press)

O atacante Geovani, com conjuntivite, também não poderá ser utilizado durante a partida.

Quem já está regularizado e busca uma chance de reestrear pelo Mais Querido é o atacante Halef Pitbull, que voltou recentemente à equipe e parece ter fome de jogo. Rezemos para que ele entre na vaga de Robert, que chegou como grande finalizador, mas até agora o que se viu foi uma sequência de erros básicos.

Regularizado e pronto para estreia

(Foto: Santa Cruz F.C.)

O treino realizado hoje no Curuzu, estádio do Paysandu, foi fechado para a imprensa e, diferentemente do último técnico do Tricolor, JC Gusmão adora um mistério e não deu informações sobre o time que iniciará a partida.

Tabela

O Santinha ocupa a 4ª posição, com 5 pontos, no Grupo A. Com dois empates e uma vitória, o Tricolor segue invicto no campeonato e terá que vencer e torcer pelo tropeço dos adversários da parte de cima da tabela.

Vamos que dá, meu Santa!

O adversário

O Leão Azul conquistou apenas 3 pontos, ocupando a 8ª posição do Grupo A, e vai usar a força da torcida jogando em casa para tentar subir na tabela.

Não foi divulgada nenhuma informação sobre o time titular adversário até o presente momento.

Que haja paz!

A Remista, torcida organizada do Remo, é aliada da Jovem, do Sport Recife, principal rival do Santa Cruz e, de acordo com o site Diário Online, integrantes da Inferno e Remista trocam ameaças pelas redes sociais desde o último dia 02. Que não passe de uma medição de força desnecessária e inconsequente e que a paz prevaleça!

Jogo se ganha dentro das quatro linhas, crianças.

EU ACREDITO NO SANTA CRUZ!

Três cores, dois nomes, uma paixão: Santa Cruz.

Por Mara Lima