A torcida sempre fará a parte dela!

 

Ponte vai a Santa Catarina enfrentar o Figueira, na estreia do Brasileirão

 

A jornada da Macaca no Brasileirão, se inicia neste domingo no Estádio Orlando Scarpelli, contra o Figueirense, às 16hrs. A dúvida que paira sobre a cabeça do torcedor pontepretano, é sobre o que esperar da equipe campineira na competição Nacional.

O time derrapou no campeonato paulista, com uma campanha bastante irregular e acabou ficando de fora das decisões. O que  pode justificar tal eliminação, foi a troca de treinadores. Comandaram a equipe, Vinícius Eutrópio (curiosamente, hoje é o treinador do Figueira), e Alexandre Galo.

Para o Brasileirão, o banco de reservas será comandado por Eduardo Baptista, que ainda espera a chegada de reforços para promover os últimos ajustes no time. Nesta temporada, a diretoria já trouxe seis jogadores: o lateral-direito Diogo Mateus, os zagueiros Kadu e Antônio Carlos, o volante Renê Júnior e os atacantes Pottker e Roger.

 

Temos um grupo em formação, precisamos de alguns reforços, peças pontuais que necessitamos. (...) É uma posição primordial. Estamos ciente que o grupo precisa de mais um volante, como o Elton, e também de mais um atacante de beirada, que seja decisivo. Estamos atentos, mas não adianta trazer peças. Tem de ser a peça - afirmou o comandante alvinegro, em entrevista ao Globo Esporte.

 

Foto: PontePress

Para a partida, a Ponte terá alguns desfalques. Os três volantes de oficio da equipe, não poderão atuar: Elton, se recuperando de lesão, João Vitor e Renê Junior, vetados pelo departamento médico.  No ataque, Rhayner, com dores musculares , dará lugar a Roger, artilheiro do Paulistão pelo Red Bul, que vestirá a 9. A partida marcará o retorno do atacante, em sua quarta passagem o jogador esta confiante para o confronto:

“É um projeto novo, o Eduardo está ajeitando as peças, com novo sistema. Nos dois, três primeiros jogos vamos precisar mais da vontade e da determinação, mas tenho certeza que vai ser um grande Brasileiro. Temos de vencer o jogo, é início de campeonato, e precisamos da vitória para trazer confiança. O torcedor precisa ver que estamos interessados. Não tenho dúvidas que o empate será mau resultado. Precisamos ir para lá com consciência e dever de trazer os três pontos” - afirmou Roger.

O trabalho de Eduardo é novo, por isso o treinador e a comissão pedem o apoio da torcida. Como o próprio treinador já disse, não adianta convocar a torcida e não corresponder dentro de campo. O apoio sempre será incondicional, mas o torcedor espera ver raça dentro de campo.



 

Ficha Técnica

Figueirense x Ponte Preta


 

Data/Hora: 15/5/2016, às 16h

Local: Orlando Scarpelli, Florianópolis (SC)

Árbitro: Emerson de Almeida Ferreira (MG)

Auxiliares: Pablo Almeida da Costa (MG) e Rafael Trombeta (PR)

 

FIGUEIRENSE: Júnior Oliveira; Jefferson, Bruno Alves, Jaime e Marquinhos Pedroso; Elicarlos, Ferrugem, Jocinei e Bady; Ermel e Rafael Moura. TÉCNICO: Vinícius Eutrópio.

 

PONTE PRETA: João Carlos; Jeferson, Douglas Grolli, Kadu e Reinaldo; Matheus Jesus, Gilson (Tiago Alves) e Ravanelli; Felipe Azevedo, Roger e Wellington Paulista. TÉCNICO: Eduardo Baptista


por Mariana Alves, para Li Zancheta e Thata Bajano, as melhores pontepretanas deste mundo <3