A vitória se distanciou nos acréscimos

(Foto: Quentes da Jaconera)
 
Juventude e Grêmio se enfrentaram no último domingo (3), pela 13ª rodada do Campeonato Gaúcho, na arena do Grêmio, em Porto Alegre. Ambos os times pouparam grande parte dos titulares para as quartas de final e ainda assim tivemos um jogo bem disputado do início ao fim, que por muito pouco não acabou com vitória para o verdão.
 
O primeiro tempo começou com pressão do Grêmio, que logo aos 3 minutos abriu o placar do jogo, Bobô chutou, Douglas Silva espalmou e, no rebote, Douglas concluiu para o gol. Jogando fora de casa e levando um gol logo no início até parecia que o jogo seria complicado para o time alviverde, mas logo após o gol o time já se recompôs para buscar o empate. Aos 22 minutos, Hugo recebeu na linha de fundo, deu um chapéu no marcador que até agora procura a bola e cruzou para Bruno Ribeiro que dominou, deu um corte no zagueiro e chutou cruzado, firme. A bola bateu na trave direita e entrou.
 
No segundo tempo o Juventude entrou querendo mais, foi superior ao rival, e logo aos 4 minutos de jogo Felipe Lima recebeu pela esquerda, avançou e deu um corte seco no zagueiro, que deslizou dentro da área e cortou com a mão. Pênalti para o Juventude, na cobrança, Hugo converteu, deixando o verdão a frente no placar. 
 
O Juventude continuou melhor em campo com muita segurança no que fazia e seguiu levando perigo para a defesa do time da capital. Aos 44, Alan Rodrigues recebeu o segundo cartão amarelo e foi expulso pelo árbitro Luis Teixeira Rocha. Com 5 desnecessários minutos de acréscimo para favorecer a equipe da capital, no último minuto de jogo, aos 49, o juiz marcou uma falta a favor do Grêmio, que em minha opinião não existiu e Luan empatou a partida, e a partida foi encerrada logo após.
 
Vimos quem foi superior no jogo e mereceu a vitória até os últimos minutos do tempo normal, infelizmente a vitória não veio, mas o Juventude se manteve entre os quatro primeiros colocados na competição. 
 
O próximo confronto será contra o Ypiranga pelas quartas de final, no Jaconi. A partida será no dia 12, às 19h30min. Mas antes disso na próxima quarta-feira, às 20h30min, o Verdão encara o Tocantinópolis, fora de casa, na estreia da Copa do Brasil.
 
Escalação
 
JUVENTUDE
Douglas; Helder, Klaus, Neguete, Alan Rodrigues; Vacaria, Sananduva, Hugo (Dionas Bruno), Felipe Lima (Guilherme); Bruno Ribeiro e Roberson (Jeferson)
Técnico: Antônio Carlos Zago
 
GRÊMIO
Bruno Grassi; Wallace Oliveira, Rafael Thyere, Bressan e Marcelo Oliveira (Iago); Edinho (Fernandinho) e Maicon; Giuliano, Douglas (Lincoln) e Luan; Bobô
Técnico: Roger Machado
 
ARBITRAGEM
Luís Teixeira Rocha, Max Augusto Vioni e Fabrício Bassegio.
 
Fernanda Andreazza