A VITÓRIA TROUXE UM ALÍVIO...

 

No último domingo (23), o Confiança recebeu em casa, na Arena Batistão, o Ferroviário, líder do grupo A no campeonato brasileiro série C, em partida válida pela 9ª rodada. 

Obviamente não seria uma partida fácil para o Dragão. O time cearense vem de uma campanha altamente produtiva na terceira divisão, com 17 pontos, e independente da derrota de ontem, segue em primeiro lugar na tabela.

No primeiro tempo o Confiança impôs seu ritmo dentro de campo. O Ferroviário parecia ter percebido a desenvoltura do Dragão, e passou a jogar com agressividade. As chances de gol caminhavam equilibradas para as duas equipes, porém o Confiança se sobressaia na maioria das vezes, esquentando direitinho a cabeça da equipe adversária.

O técnico Daniel Paulista organizou a defesa e mudou peças importantes na escalação inicial, em relação às das últimas partidas. Mudanças essas que fizeram a diferença, principalmente, na chegada de bolas áreas, um fator que vinha incomodando amargamente a defesa da equipe do Bairro Industrial nos últimos jogos. O goleiro Genivaldo voltou à titularidade, e sua experiência e frieza o levaram a defesas importantes nas vezes em que o Ferroviário chegava.

O segundo tempo em pouco diferenciou do primeiro. O Confiança insistia no ataque e pressionava forte atrás do primeiro gol da partida. Então ao 23’, Renan Gorne recebeu de Italo, e mandou para o gol, abrindo o placar para o Dragão na Arena Batistão. 

Foto: Ferroviário/Divulgação

Após o primeiro gol, o Confiança tentava manter a superioridade de donos da casa, mas o Ferroviário incomodava. Os visitantes cresceram a insistência próximo ao fim da partida, mas nada relevante. 

Mesmo com alguns deslizes claros da arbitragem, que fazia vista grossa para faltas nítidas e punições cabíveis, o placar terminou positivo para a equipe proletária, que conquistou mais 3 pontos na competição. Pontos esses que os colocaram no G4, torcendo para que o Botafogo-PB seja derrotado pelo Treze, e assim continuar tranquilo nas primeiras posições. 

 

É fácil para o torcedor reconhecer que, tecnicamente, o Confiança vem melhorando consideravelmente desde o início do Brasileirão série C. O técnico Daniel Paulista consegue encaixar perfeitamente as peças de acordo com o que vem sendo apresentado pelos adversários em jogos anteriores. A luta agora é para se manter nas melhores colocações, para enfim, poder sonhar com a classificação. 

 

Escalação:

1- Genivaldo 

2- Marcelinho

3- Vinicius Simon

4- Júnior Lopes

5- Amaral

6- Altemar

7- Everton

8- Rafael Villa

9- Renan Gorne 

10- Italo

11- Pingo

 

Técnico: Daniel Paulista

Por Hellen Rangel