10 PONTOS

É assim que o Alvinegro termina a campanha até a parada para a Copa América, com 10 pontos. O cenário poderia ser outro, caso tivesse ganho ontem (13), do Vasco.

 

 

(Foto: @cearasc)

 


O vovô, que foi até o Rio de Janeiro para enfrentar a equipe Vascaína, acabou saindo derrotado por 1x0.


O que os torcedores esperavam, era no mínimo, um empate, visto que o Ceará precisava recuperar os pontos perdidos como mandante, e além disso, o Vasco não está na sua melhor fase. Porém, desde o começo do jogo, o Alvinegro se mostrou apático, sem ataque, sem finalizações e levando zero perigo para a área do time adversário.


Em outras partidas, o Ceará chegou a jogar bem e não levou a vitória por falta de finalizações corretas, mas nesse, não. Nesse jogo o vovô nem se quer finalizou, e quando teve a oportunidade, que ocorreu apenas no segundo tempo, o time mais uma vez falhou.

 

O destaque da partida, novamente, foi o zagueiro Luiz Otávio, que parecia estar carregando o time nas costas, impedindo que o placar ampliasse para o vasco. Fabinho e o goleiro Diogo, também ajudaram o alvinegro a não levar ainda mais gols.


Nem o próprio Thiago Galhardo, que vinha jogando muito bem, conseguiu se destacar em campo, principalmente após machucar o seu ombro ainda no primeiro tempo, que visivelmente estava incomodando. Leandro Carvalho, mais uma vez, não fez um bom jogo, não mostrou velocidade, raça e habilidade, pelo contrário, pareceu ser um a menos em campo.


Concluindo, os jogadores alvinegros, em sua maioria,  fizeram com que o placar fosse justo para o lado vascaíno, que atacou e finalizou bem mais do que o Ceará.


Atualmente, o vovô ocupa a décima terceira posição da tabela, com 10 pontos, sendo três vitórias, um empate e cinco derrotas. Desse modo, é claro a necessidade do time em relação a contratações, principalmente para o ataque.


O Ceará só volta a jogar após a parada para a Copa América, dia 14/07, contra o Fluminense, fora de casa. Esperamos que nesse tempo, o time se reorganize e volte jogando o futebol que todos esperam ver.

 


Mariani Sobrinho