2019 começou e nada mudou...tropeço na largada!

 

 

O ano começou oficialmente para o tricolor paulista nesta quinta-feira (10), às 22h (de Brasília), na Florida Cup, torneio de pré temporada, no Al Lang Stadium, em Orlando, diante do Eintracht Frankfurt. E começamos com o pé esquerdo sendo derrotados por 2x1.

 

 

Foto: São Paulo FC.

 

O primeiro tempo começou com os titulares em campo, sendo eles: Volpi; B. Peres, Arboleda, A. Martins, Reinaldo; Jucilei, Hudson, Hernanes; Helinho, Pablo e Everton. Com apenas 5 treinos o São Paulo teve dificuldades de se encontrar no jogo, já o adversário está no 26º jogo da temporada. Como de costume a equipe paulista comentou alguns erros no sistema defensivo, e aos 8 minutos em uma falha de Bruno Peres, na saída de bola, o juiz marcou pênalti para o adversário. 1x0, gol convertido por Rebic. Após o gol o tricolor melhorou na partida, mas não conseguiu o empate no primeiro tempo.

 

Foto: São Paulo FC.

 

 

O São Paulo voltou para o segundo tempo com: Jean; Igor V., B. Alves, Lucas Kal, Léo; W. Farias, Araruna, Liziero; Nene, Diego Souza e E. Felipe. Com equipes modificadas, o segundo tempo foi marcado por um jogo mais aberto, aos nove minutos Nene empatou para a equipe paulista, em jogada iniciada por Liziero. Os alemães viraram aos 18, com gol contra, Jean saiu do gol para desviar a bola que bateu em Igor Vinicius, que fazia sua estreia.

A pré temporada serve justamente pra isso. Dar ritmo aos jogadores, detectar as carências, etc. Vamos poupar nossas críticas. Isso é um amistoso de uma equipe que nos últimos 30 dias, fez apenas 5 treinos, contra outra que está no meio da temporada. Ninguém gosta de perder, realmente é frustrante, mas vamos ter cuidado com a raiva excessiva, é apenas um AMISTOSO. Em 2017 fomos campeões desse campeonato e brigamos para não cair, então calmem, não é parâmetro pra nada. Muito trabalho precisa ser feito pro time se encaixar!

 

O São Paulo faz a segunda e última partida no Torneio da Flórida contra o Ajax, da Holanda, sábado, às 16h (de Brasília), em Orlando.

 

 

Por amor ao tricolor,

Raiane Vieira.