+3 PONTOS PARA A CONTA

 

Em Santa Catarina, neste domingo (06), na Arena Condá o Flamengo enfrentou a Chapecoense pelo campeonato brasileiro e venceu por 1x0, um gol polêmico (Diga-se de passagem) e que veio dos pés de Bruno Henrique.

Os comandados de Jorge Jesus chegaram à nona vitória nos últimos dez jogos do Brasileirão e a equipe conseguiu estabelecer mais um recorde: com 52 pontos em 23 rodadas, o Rubro-Negro se tornou a equipe que mais pontuou até tal fase da competição.

Mesmo fora de casa, o Flamengo soube se impor e a primeira etapa foi praticamente "ataque contra defesa", o Mengo pressionava a saída de bola e não deixava os donos da casa criarem jogadas.

E quem abriu o placar ainda no primeiro tempo foi Bruno Henrique, que ocupou a vaga do suspenso Gabigol como referência ao ataque. O camisa 27 aproveitou o cruzamento e balançou as redes com gol de cabeça.

 

(Fonte: Twitter Oficial do Flamengo)

 

Um gol que para alguns estava impedido e para outros não. Um lance delicadíssimo.

Os mesmos que disseram que na quarta, contra o Grêmio, pela Libertadores, o gol do Flamengo foi anulado corretamente porque o VAR não ERRA são os mesmos que nesse jogo contra a Chapecoense, estão dizendo que o gol estava impedido. É hipocrisia o nome, né?

E o VAR validou o gol contra a Chape. Gol que por sinal, estava legal.

No segundo tempo, o jogo não mudou muito e o Flamengo continuava indo para cima da Chape. O zagueiro Pablo Marí chegou até carimbar a trave, mas sem sucesso de gol.

A partida se encaminhava para a etapa final e Everaldo lançou a bola de cabeça para o gol, mas Diego Alves fez a defesa.

Com a vitória, o Mais Querido chegou a 52 pontos e segue líder do campeonato brasileiro com 5 pontos de vantagem do vice-líder Palmeiras.

 

Foto: Reprodução Internet

 

Já a Chapecoense permanece com 15 pontos, ocupando a lanterna do campeonato.

O próximo jogo da equipe Rubro-Negra será contra o Atlético Mineiro, na quinta (10), no Maracanã, às 20h.

 

TUA GLÓRIA É LUTAR!

Por : Rhayanne Athyrssa.