32 ANOS DE LA MESSIA

Feliz cumpleaños, Lionel!!

 

(Foto: Divulgação/Internet)

 

Neste dia 24 de junho de 1987, em Rosário na Argentina, nascia o melhor jogador de futebol da história, Lionel Andrés Messi Cuccittini.

Quem acompanha sua história sabe o quão difícil foi para que Lionel Messi chegasse onde está, das injeções tomadas quando criança, os perrengues passado no Newell's Old Boys até que chegou ao Barcelona (amém por isso), e foi aí que tudo mudou.

 

Onde tudo começou;

A paixão de Messi pelo futebol não foi algo tão rápido assim, e em seu primeiro aniversário, os seus tios lhe deram a camisa do Newell's Old Boys - que mais tarde se tornaria o time do seu coração - mas no momento acabou sendo em vão. O que ele mais gostava era das figurinhas e suas bolinhas de gude, que estavam com ele a todo momento.

O gênio começou a entrar em ação foi em 1991, quando ele ganhou uma bola de futebol em seu aniversário de 4 anos. Seu pai e seus irmão estavam na rua brincando com a bola, quando Messi chegou e decidiu participar pela primeira vez. E foi aí que as pessoas começaram a conhecer um dos melhores do mundo!! 

"Ficamos paralisados vendo tudo o que ele sabia fazer, ele nunca tinha feito antes." - Jorge Messi, pai de Lionel.

Messi começou a jogar no clube localizado a quinze quadras de casa sua casa, o Abanderado Grandoli. Um fato curioso, é que em uma das visitas de Lionel na quadra do Abanderado, faltava um jogador na equipe nascidos em 1986, treinada por Salvador Ricardo Aparício. E a única opção seria colocar o pequeno Messi em campo, mas o receio era grande já que havia diferença de idade e o treinador tinha medo dele se machucar. 

Mas com o incentivo da avó, ele acabou entrando em campo. Na sua primeira jogada não foi muito boa, a bola veio no seu pé direito e ele não esboçou reação nenhuma, deixando-a passar direto. Já na sua segunda oportunidade, as coisas começaram a mudar, ele recebeu a bola no pé esquerdo e fez o que sabe de melhor: dominou sem deixar a "pelota" escapar, fez um lindo corte e driblou o time todo e não precisa nem falar o resto da jogada né?! É gol..

 

Newell's Old Boys;

Logo aos 7 anos, entrou para a base do Newell's Old Boys, onde se destacou com sua habilidade e rapidez, sendo superior a meninos bem mais velhos do que ele. Em seis anos jogados lá, conquistou sete títulos, marcou 234 gols em 176 partidas. E em todas as temporadas que disputou, acabou marcando mais gols do que partidas disputadas. 

Mas ao decorrer de 6 anos, com apenas 11 anos de idade, ele foi diagnosticado com uma deficiência do hormônio de crescimento, o nascimento de um talento que precisou de cuidados especiais. Messi teve que levar aproximadamente duas mil agulhadas que eram alteradas nas pernas a cada noite quando criança.

O tratamento era bastante caro, cerca de mil dólares por mês, e era praticamente impagável pela família. Que só conseguiu pagar graças ao plano de saúde do pai e ajuda da Fundação Acindar, que pertencia a empresa que o pai dele trabalhava.

Mas após 2 anos, as coisas foram piorando, novas complicações começaram a aparecer. A Argentina se encontrava em crise e a família de Lionel não poderia custear com o tratamento.

A salvação da família seria o clube Newell's Old Boys, mas a equipe jamais assumiu o compromisso de forma séria. E já que a diretoria do Newell's não se dispôs a ajudar no tratamento, o camisa 10 do Barça foi levado pelo pai para um teste aberto pelo River Plate, em Rosário. Com uma ótima atuação de Messi, o olheiro do time argentino, Federico Vairo, resolveu levá-lo para um teste na capital.

Por conta de seu tamanho, Lionel Messi foi deixado por último na fila dos que estariam em campo para jogar. 

Jorge Messi, até tentou levar o filho para o River Plate, já que a equipe e o homem que estava monitorando os jogadores gostaram bastante do Messi. Mas o Newell's impediu a transferência do mesmo.

(Foto: Divulgação/Internet)


 

Chegada ao Barcelona;

Uma prima da mãe de Jorge Messi, que morava em Lérida, na Catalunha, acolheu Messi que passou a ser observado por olheiros do FC Barcelona, que o recomendou para testes no clube. Com 13 anos e 1,40M de altura, se saiu bem contra garotos até dois anos mais velhos. Rexach observava o argentino, que jogava em um jogo infantil A x infantil B. Então, o clube espanhol ofereceu para pagar seu tratamento médico,e Messi se mudou para a Espanha junto a sua família. E seu primeiro contrato foi assinado, simbolicamente, em um guardanapo. 

O início na Catalunha foi totalmente difícil, a família demorou muito para se familiarizar com o ambiente. Os parentes estavam bastante distante, tinham dificuldades no idioma e a irmã chorava praticamente em todo dia de aula. 

Cecília, mãe de Messi, chegou a conversar com o filho sobre a possível volta à Argentina. E ouviu a seguinte resposta:

"Mãe, não se preocupe. Vocês vão, eu fico, e Deus vai nos ajudar."

Logo após a mãe voltar para a casa com os filhos, o pai foi conversar com o filho: "Nós voltamos ou ficamos, filho?".

"Nós ficamos, eu quero jogar a primeira divisão pelo Barcelona."

 

(Foto: Divulgação/Internet)

A primeira partida com o time principal do FC Barcelona foi em um amistoso contra o Porto, no dia 16 de novembro de 2003. Porém, o primeiro jogo oficial só foi acontecer um ano depois, contra o Espanyol, em 16 de outubro de 2004. Já o primeiro gol aconteceu contra o Albacete, em 1 de maio de 2005. E cá entre nós foi um golaço de cobertura, com passe do "Bruxo" Ronaldinho Gaúcho. 

O resto é história, os números de Messi pelo Barcelona são impressionantes. Coisa de outro mundo, foram gols, assistências, ótimas jogadas individuais além dos títulos. Messi liderou seus companheiros em campo e juntos fizeram da base a "Geração 1987", que foram simplesmente excepcionais, tornando esse time um dos melhores da base que o Barça já teve. Ao seu lado, tinha grandes nomes como Fábregas e Gerard Piqué. E no banco tinha "apenas" Tito Vilanova. 

Sua titularidade veio acontecer na temporada 2005-06, temporada esta que resultou em nossa segunda conquista da UEFA Champions League. Mas infelizmente ele não pode jogar a final contra o Chelsea, por conta de uma lesão. A estrela de Messi foi encantar (ainda mais) o Barça foi em 2008, nosso querido Pep Guardiola (aliás, saudades do que a gente já viveu), utilizou Lionel como um "falso 9", e cá entre nós, ele comandou o time a tríplice coroa. 

Olha, se for para parar e contar a história de Messi no Barcelona até hoje em dia, iriam passar vários dias e ainda estaríamos aqui contando os feitos maravilhosos que ele faz com a camisa grená. É D10s e nada mais, e temos que desfrutar porque infelizmente, já já vira saudade. 

Eu juro que faltam palavras para dizer sobre ele, o cara é de outro mundo. Então, após resumir um pouco da história dele no futebol, vamos pegar algumas partes importantes:

 

- Em 2010 veio o seu 100° gol com a camisa do Barcelona, na vitória sobre o Sevilla por 4x0. Nesse jogo também saiu seu 101° gol e uma sequência de 11 gols em 5 jogos. 

- Sua primeira bola de ouro veio em 2009, em disputa com Cristiano Ronaldo e Xavi Hernández.

- Em 2010 ele conquistou a segunda consecutiva, em disputa com Xavi e Insista.

"Não esperava ganhar hoje. Já estava feliz por estar aqui com meus companheiros, e ganhar de novo faz deste um dia muito especial. Quero dividir o prêmio com meus companheiros, minha família e com todos os barcelonistas e argentinos."

 

- Em 2011, Messi ganhou pela terceira vez e foi a segunda consecutiva. Vencendo Xavi Hernández e Andrés Iniesta. Além de ter conquistado a La Liga e a Champions. 

- Em 2012 foi o ano do melhor do mundo, foi campeão do Mundial enfrentando o Santos de Ganso e Neymar na grande final. Conquistou mais uma Bola de Ouro, foi artilheiro do ano, com incríveis, 91 gols em 69 jogos e foi o nascimento do seu primeiro filho, Thiago Messi. 

- Junto com Neymar e Suárez, criaram o famoso trio MSN. Onde conquistaram diversos títulos de 2014 até 2017. 

- Em 2015 veio a sua 5a bola ouro, contra seu companheiro de equipe Neymar e Cristiano Ronaldo.

 

A história do camisa 10 é impressionante, apenas apreciam. Ao invés de tentar compará-lo com qualquer outro; o que chega a ser um absurdo; apenas admire a lenda que está em campo. Porque infelizmente isso irá se encerrar.

O aniversário é dele, mas quem ganha o presente é você,sou eu. Temos o privilégio ou a honra de vivenciar a "Era Lionel Messi". 

É até difícil encontrar palavras certas para falar do D10S, depois de lenda, gênio, vem o que?

Obrigada por cada mágica em campo, cada drible, cada jogada, obrigada Lionel! 

"O menino que não podia crescer se tornou o maior de todos" 

Há alguma frase melhor que descreva Messi?

Um jogador que teve seu futuro ameaçado pelo seu tamanho hoje prova ao mundo o quão enorme és. Sempre será lembrado, 32 anos de pura genialidade, 32 anos de uma verdadeira jóia do Rosário. Mágico, único, D10S...

 

Parabéns, D10S! 

Jogos: 687

Golos: 671

Assistências: 285

10: La Liga

7: Supertaça

6:  Taça do Rei

4:  UCL

3:  Supertaça Europeia

3: Mundial de Clubes

1:  Jogos Olímpicos

6:  Bota de Ouro

5:  Bola de Ouro 


Por: Rhayanne Athyrssa e Thais Santos