36 VEZES REI DO RIO!

 

Fluminense tá disputando campeonato Paulista? 

 

Enfrentando o Flu na noite de quarta (15), vencendo por 1x0, e sendo bicampeão do carioca, o Flamengo chega ao seu 36° título carioca. 

 

Não teve a festa da torcida nas arquibancadas, mas assim como o Fluminense fez no primeiro jogo, o Clube de Regatas também fez um mosaico em alusão aos torcedores do Clube. No setor Norte, onde é acostumado ficar as torcidas organizadas, espalharam as bandeiras das torcidas organizadas e embaixadas. 

 

Outra ação do clube foi a utilização do sistema de som com cantos das torcidas, desde o aquecimento das duas equipes no gramado. Quando o time de Odair Hellmann foi para o campo na partida, vaias. Quando os comandados de Jorge Jesus subiram, aplausos e fumaça preta e vermelha. 

 

O time Rubro-Negro conquistou o quarto troféu na temporada de 2020, depois da Recopa, Supercopa e a taça Guanabara.

(Foto: Divulgação da Internet) 

 

O JOGO

 

Sem o artilheiro do campeonato, GabigoL, que foi expulso no duelo passado e estava na arquibancada do Maracanã assistindo o jogo, os comandados de Jesus jogavam pelo empate, pois venceram o primeiro duelo por 2x1. 

 

No primeiro tempo, o Flamengo manteve a posse de bola e desperdiçou boas oportunidades. 

Com o coringa Gérson atuando muito bem, e a dupla Everton Ribeiro e Arrasca um pouco apagada, o Fla assustou com Léo Pereira chutando sem força e Pedro, que teve a melhor chance tirando 'Casquinha' da trave de Muriel.

 

No tempo complementar,  o roteiro não foi muito diferente. 

Jesus, que colocou Michael, Vitinho e Diego na reta final, não diminuiu a marcação e chegou ao gol na base da insistência.

O gol que selou o título foi aos 49', em um chute de Vitinho (jamais criticado). A bola desviou no meio do caminho e encobriu o goleiro Muriel. Era o gol do título. 

 

Fim de jogo: 1x0 Flamengo.

 

Na final da taça Rio, o time tricolor foi campeão, e o atacante Fernando Pacheco provocou Diego Ribas na disputa de pênaltis.

Hoje, com o título do carioca, Diego retribuiu e postou um recado ao tricolor onde dizia: "No Rio de Janeiro, Pacheco que eu conheço é drogaria".

 

E o lateral Rafinha, após ser zoado na internet por distribuir gatorade quando atuava no Bayern, aproveitou para devolver a brincadeira. Rafinha chegou de surpresa enquanto os jogadores tiravam foto com a taça e logo depois distribuiu garrafas de isotônico para os companheiros, e vibrou com a taça.

 

E aí tricolor, quer um gatorade ou um calmante? podemos pedir para você na Pacheco. 

 

(Foto: Marcelo Cortes)

 

 

E Jorge Jesus, vai ou fica? Mistério...

Ainda não sabemos. Depois de conquistar seu quinto título com o Clube Rubro-Negro, o Mister ainda não falou sobre seu futuro. Por sua vez, o presidente Rodolfo Landim garantiu o comando do treinador sob a equipe. 

 

Jesus ainda não se manifestou oficialmente nas redes sociais, e recebeu o carinho dos atletas, que o jogaram para o alto e gritaram "olê, olê, olê, Mister, Mister" após o título.

 

Com Jorge Jesus, são mais títulos do que derrotas. No seu comando, nenhuma derrota no Maracanã. Nos deu a América, 38 anos depois, e o Brasil, no mesmo ano. O mais importante: nos devolveu o orgulho que, há anos, vinha sendo deixado de lado.

 

Que o legado de Jorge Jesus, indo ou ficando, seja, além de títulos, que não nos acostumemos com técnicos medíocres, sobretudo, sem vontade de vencer.

 

(Foto: Alexandre Vidal)

 

Como de costume: Ganhar FlaFlu é normal! 

Os números não mentem: 156 vitórias Rubro-Negras, contra 128 do lado de lá. Tentem na peteca, no futebol tá difícil. 

 

Agora, todo o elenco está de folga até a próxima segunda-feira (20), quando se reapresenta ao Ninho do Urubu para iniciar os preparativos visando a retomada do Campeonato Brasileiro, com retorno previsto para os dias 8 e 9 de agosto, o primeiro final de semana do próximo mês.

 

TUA GLÓRIA É LUTAR!

CONTRA TUDO E CONTRA TODOS.

 

Por Rhayanne Athyrsa.

 

*Esclarecemos que os textos trazidos nesta coluna não refletem, necessariamente, a opinião do Blog Mulheres em Campo.