47 DA MAIS TEMIDA

 

Neste aniversário da Torcida Tricolor Independente quero falar de algo que vai além da fundação disponível na internet.


 

(Reprodução @torcidaindependenteoficial)


 

Nos últimos anos todas as torcidas organizadas de São Paulo precisaram se reformular para continuar sobrevivendo, de uma forma ou de outra todas encontraram seu caminho, com a INDE não foi diferente.

 

E a principal Organizada do São Paulo Futebol Clube encontrou-se com a sua raiz para se manter em pé.

 

Como sócia atuante há poucos anos, fruto da geração “Paulista/Libertadores/Mundial de 2005", posso dizer com certeza que pela primeira vez vi nos membros da Independente um brio inigualável.

 

A torcida resgatou sua marca da arquibancada O MAR BRANCO, trouxe de volta o seu 001, Senhor Newton Ribeiro, o qual toda vez que eu vejo me emociono.


 

(Sócio Fundador - Newton Ribeiro em caravana para o Engenhão)


 

A Independente que nunca abandonou as causas sociais, fez ainda mais nestes últimos anos.

 

De arrecadação de roupa, alimentos e entrega de refeições prontas para os desabrigados do incêndio no Paissandú até festa com brinquedos e entrega de presentes para crianças, passando por campanhas de arrecadação de lacres, gelatinas, doações de sangue, enfim tudo que pudesse acalentar um coração que estivesse precisando.

 

Não podemos jamais esquecer da maior arrecadação de alimentos feita pela Cruz Vermelha, 15 toneladas, que aconteceu em um treino aberto do SPFC em 26/08/2017, graças a pressão da Torcida.

 

Nestes últimos anos a TTI não tirou o pé da estrada. Caravanas histórias, como a que levou 37 ônibus para Engenhão em 29/07/17. Naquele inesquecível 4x3, quem viveu sabe, fomos conduzidos pela nossa velha guarda, que receberam suas flâmulas, foi histórico. E por falar em velha guarda ano passado nossos heróis também receberam seus certificados de Sócios Vitalícios, que honra participar deste momento.


 

(Reprodução @torcidaindependenteoficial)


 

Chega a ser difícil pensar em um jogo do São Paulo em que não tinha um representante da 12 LETRAS nesses últimos anos, na verdade se excluirmos os péssimos clássicos de torcida única acho que não encontramos nenhum.

 

Dezenas de caravanas cortaram o Brasil e a América. Nordeste foi logo ali, Argentina foi logo ali.

 

Também foi em 2017 que o Tricolor correu o seu maior risco de ser rebaixado, e ao contrário do que muitos esperavam, a Independente convocou os são-paulinos jogo a jogo para uma guerra contra a série B, e apoiou incansavelmente, chegando a escoltar o time do CT da Barra Funda até o Estádio do Pacaembu. Foi muito graças a torcida que deu tudo certo!


 

A Independente também olhou para frente, inaugurou uma casa em frente ao portão 4 do Morumbi, uma mansão, mas podem chamar de Arena ou então Lá Casa da Torcida Independente se quiserem rs. Além de receber grandes eventos, também tem treinos de Jiu-jítsu, Boxe e Muay Thai.

 

(Reprodução @torcidaindependenteoficial)


 

E engana-se quem pensa que a torcida precisou abandonar o Centro para ficar mais próxima do estádio.

 

Muito pelo contrário, graças a muito esforço a torcida adquiriu suas sedes próprias no centro de São Paulo, o Paysandu continua TODINHO NOSSO!

 

Claro que sempre vão existir erros e qualquer pessoa pode falar o que quiser, porém quem vive a maior Torcida Tricolor do Brasil tem orgulho de tudo que aconteceu nos últimos anos.


 

Parabéns Torcida Independente, obrigada por fazer parte da minha história e permitir que eu faça parte de um pouquinho da sua.

 

VIDA LONGA!

 

Por Jéssica Gonçalves - A Cada Dia Te Quero Mais.