Alegria pra viver, oswaldia pra vencer!

Ele chegou e, após estrear com vitória pelo Brasileirão, Oswaldo de Oliveira tem uma grande missão pela frente: Bater o Cruzeiro de Mano Menezes e classificar o Corinthians para as semi-finais da Copa do Brasil.

Daniel Augusto JR/Agencia Corinthians

No primeiro jogo pelas quartas de finais, ainda sob o comando de Carille, o Timão venceu, mas poderia ter arrancado um resultado melhor: A equipe de Itaquera vencia por 2x0, mas acabou tomando um gol quase no fim do jogo, terminando em 2x1 e deixando um sinal de alerta.

Nos trabalhos pré-jogo o foco foi principalmente a parte tática e cobranças de pênaltis. Oswaldo quis reproduzir todo o ambiente de cobranças de pênalti decisivas, desde a espera para a cobrança, até a finalização.

O aproveitamento nas cobranças foi considerado bom. Os nomes do ataque, como Giovanni Augusto, Rodriguinho e Guilherme, acertaram. Depois, Romero, Pedro Henrique, Balbuena e o goleiro Walter erraram. Cássio, reserva no gol, também foi chamado para defender as cobranças. Apesar disso, ele continua no banco de reservas e o gol alvinegro segue sob a guarda de Walter.

A maior preocupação foi o atacante Marlone que não treinou nesta terça feira com dores no tornozelo. Até o fim dos trabalhos, até mesmo a viagem dele para Belo Horizonte era incerta. A boa noticia é que a ausência do atacante nos treinos foi para poupa-lo, sendo assim, ele viajou e, dependendo de suas condições físicas, poderá estar em campo para reforçar a equipe alvinegra.

A provável escalação vem com Walter, Fagner, Pedro Henrique, Balbuena e Uendel; Camacho; Romero, Giovanni Augusto, Rodriguinho e Marquinhos Gabriel (Marlone); Guilherme.

A arbitragem fica por conta de Wilson Pereira Sampaio (Fifa-GO), Fabricio Vilarinho da Silva (Fifa-GO) e Bruno Raphael Pires (Fifa-GO).

É partida de tudo ou nada. Avançar na competição significa um ânimo a mais pro time e pro novo treinador, tudo que o Corinthians precisa no momento.

Que São Jorge nos proteja!

Vai Corinthians!

Por Victória Monteiro – Maloqueira, sofredora, graças a Deus!