ANO NOVO E VIDA NOVA QUE FALA, NÉ?

Após um ano atípico, as Guerreiras Grenás iniciam 2021 com diversas mudanças, dentre elas a apresentação da nova treinadora da equipe feminina de Araraquara. Lindsay Camila, 38 anos, é a mais nova responsável pelo time. A nova técnica estava como auxiliar da Seleção Brasileira Sub-17, além de também possuir licença A da UEFA e passagens pelo Futebol Europeu.

 

Foto: Millena Cravo/Ferroviária SA

Além de Lindsay, 2021 trouxe consigo inúmeras chegadas e também despedidas para o time grená. Despediram-se da equipe grandes atletas como Rafa Andrade (meio-campista, 23 anos), Chú Santos (atacante, 30 anos), Adriane Nene (atacante, 32 anos), Jeane Bueno (goleira, 21 anos), Elisa Lopes (atacante, 23 anos) e Bruna Natieli (lateral-esquerda, 24 anos). 

Apesar de inúmeras despedidas, houveram também sete novas contratações. Entre as contratações, temos os nomes de Ana Alice (zagueira, 32 anos), Yasmin Cosmann (zagueira, 19 anos), Leidiane Andrade (meio-campista, 21 anos), Ana Lurdes (atacante, 19 anos), Duda Batista (meio-campista, 18 anos), Jamille Oliveira (lateral-esquerda, 17 anos) e Nicoly Aprigio (volante, 23 anos). As novas guerreiras chegam focadas e animadas perante os novos desafios. 

Dando um enfoque especial para a contratação de Nicoly, atleta essa que foi revelada na categoria de base da equipe Araraquarense. A atleta nasceu e foi criada em Araraquara, de volta para casa, a mesma se mostra animada e ansiosa para os desafios que 2021 traz.

 

Foto: Millena Cravo/Ferroviária SA

Esse ano, as Guerreiras Grenás irão disputar a Libertadores da América (sediada na Argentina), o Campeonato Brasileiro e o Campeonato Paulista.

 

Fonte: Divulgação/Ferroviária.

 

Por: Julia Gabriela Girasol, colunista da Ferroviária.

 

*Esclarecemos que os textos trazidos nesta coluna não refletem, necessariamente, a opinião do Portal Mulheres em Campo.