Antes de domingo, um teste para Mancuello e para o Mengão

O Flamengo ainda está engasgado com as derrotas sofridas para o Vasco da Gama no ano de 2015 e já pensa no rival que vai enfrentar no próximo domingo, mas antes disso, o Fla tem pela frente a Portuguesa, no Raulino de Oliveira. O jogo marcará a estreia do Argentino Federico Mancuello. O jogador argentino chegou com status de craque na Gávea e o jogo de hoje será uma oportunidade da torcida ver se o jogador é tudo isso mesmo.

 

O Fla vem de vitória contra o Macaé. No total, foi um empate e uma vitória, com isso, o Rubro-Negro, com quatro pontos ganhos, ocupa a 3° colocação no Grupo B do Estadual. O adversário do Flamengo está de volta à primeira divisão do Carioca após 10 anos. No último confronto entre os dois times, a Lusa empatou com o Fla em 2006. O técnico da Portuguesa, Gaúcho, é ex-jogador do Vasco, e declarou em entrevistas que espera fazer jogo duro contra o Flamengo, assim como fez na partida contra o Botafogo.

 

Se para a Portuguesa o objetivo é surpreender, no Flamengo, o clima ainda é de afirmação. Nos cinco jogos disputados em 2016, o time tem duas vitórias, dois empates e uma derrota. Marcou nove gols e tomou sete. Números que ainda deixam a torcida com a pulga atrás da orelha. Sim, Guerrero voltou a marcar, mas a questão é se ele manterá a regularidade. A torcida vinha pegando no pé de Wallace. Contra o Macaé ele fez um bom jogo e marcou o primeiro gol do time, mas será preciso mais do que uma boa atuação em uma partida para provar que se pode confiar novamente do capitão do Flamengo.

 

Aliás, é na zaga que Muricy Ramalho vem trabalhando. O maior terror dos Flamenguistas em 2015: a bola cruzada na área, é um dos quesitos que vem sendo trabalhados exaustivamente. 

 

Mas uma das maiores interrogações nesse Flamengo versão 2016 é os gringos que não vingam e a lista de nomes é extensa: Sambueza, Maxi Biancucchi, Erazo, Botinelli, Mugni e Canteros. Resta saber se Mancuello e Cuellar – que deve estrear apenas no domingo – vão encaixar. Na primeira partida de Mancuello, contra o Ceará, o jogador entrou no segundo tempo, mudou a cara do time e ainda fez gol. Nos treinos, constantemente as boas cobranças de falta e gols são motivos de boas esperanças. Se o jogo desta quarta é um aquecimento para o clássico de domingo – e é como muitos estão tratando isso – veremos se o Fla passa no teste e segue embalado para São Januário.

 

Portuguesa:Márcio, Belarmino, Pessanha, Allan Miguel e Diego Maia; Silvano, Cássio, Victor Hugo e Alex Carioca; Rafael Paty e Allan.

 

Flamengo: Paulo Victor, Rodinei, Wallace, Juan, Jorge; Márcio Araújo, Willian Arão, Mancuello; Marcelo Cirino, Emerson Sheik e Guerrero.

 

Camila Leonel