AQUELA VITÓRIA ACHADA...

AQUELA VITÓRIA NA CAGADA.

Bruno Duarte (camisa 9) comemora o gol da Lusa sobre a Santista (Foto: Newton Menezes/Futura Press)

Foto: Newton Santana

A Portuguesa entrou em campo nesta terça (04) enfrentando a Portuguesa Santista pela Copa Paulista. Venceu a Briosa por 1x0 e se tornou líder do grupo.

O jogo começou com a pressão do time da casa, até que o gol saiu logo no começo da partida com um gol de Bruno Duarte aos 12 minutos. O time ainda ia pra cima, mas não tinha tática, não tinha jogador bom para empurrar e finalizar corretamente com chance de gol.

O primeiro tempo foi com a Portuguesa atacando e o time visitante mais na defesa, tentando contra ataque, mas sem chances claras de gol, não levando perigo para Berna.

O segundo tempo já começou diferente, a Briosa mostrou que queria o empate, o ritmo de jogo foi o mesmo, mas diminuiu um pouco após a expulsão de Pedro, camisa 5. Mas continuaram tendo um ritmo de jogo, a Portuguesa tentou de todas as formas ampliar, mas os jogadores não colaboram com as táticas que tem.

Marcelinho que foi praticamente uma estátua o jogo todo, tentou em uma cobrança de falta ampliar para o time da casa, mas a bola bateu no travessão. E assim terminou o jogo, a Portuguesa venceu e somou 3 pontos.

Esse campeonato é chance que temos para voltarmos a disputar o Campeonato Brasileiro, o time não foi muito bem em campo, teve a sorte de achar um gol, e a sorte do adversário não ser tão forte. Tem que treinar, ter mais raça e principalmente treinar de novo porque não podemos perder essa chance dada.

FICHA TÉCNICA

PORTUGUESA 1 X 0 PORTUGUESA SANTISTA

Data: 04/07/2017

Hora: 20h00

Local: Estádio do Canindé

Árbitro: Daniel Bernardes Serrano

Assistentes: Alex Alexandrino e Mauricio Helder Luiz Alexandrino

Cartões Amarelos

 

Portuguesa: Rodolfo, Dinho, Franklin

 

Cartões Vermelhos

 

Portuguesa Santista: Pedro

 

Gols

Portuguesa: Bruno Duarte 12' 1T

 

Portuguesa

Ricardo Berna; Paulo Fernando, Gabriel, Rodolfo e Franklin (Matheus); Dinho, Dedé e Marcelinho Paraíba (Matheusinho); Luizinho, Bruno Duarte e Fernandinho (Thiago).

 

Técnico: Mauro Fernandes

 

Portuguesa Santista

José Guilherme; Gabriel Lima, Dema, Felipe Henrique e Anderson Santos (Pedro Henrique); Pedro, Vinícius Barba, Vinicius Araújo (Robinho) e Mário Nilton (Cauê Ramos); Luis Felipe e Washington.

 

Técnico: Douglinhas

 

Izabela Risden