AQUELE 1%

Foto: Ivan Storti

O campeonato brasileiro chega nesse final de semana na penúltima rodada. A taça tem um destino quase certo, mas, sabemos que o futebol é uma caixinha de surpresas e dependendo dos resultados desta rodada, o título pode ser decidido apenas semana que vem.

É difícil a taça vir para a Vila Belmiro? Sim. Para isso, seria necessário duas derrotas do rival alviverde e duas vitórias do alvinegro praiano. Ambos terão adversários difíceis, mas apesar do torcedor santista ter um lado que já aceita ser vice campeão brasileiro, ainda existe aquele 1% que crê em um milagre dentro de campo. E sinceramente, lá no fundo eu também acredito.

Enfrentar o Flamengo no Maracanã nunca foi tarefa fácil e nem será dessa vez, ainda mais quando a partida será um confronto direto para definir quem será o provável vice campeão, já que a diferença do vice líder Santos para o terceiro colocado Flamengo é de apenas 1 ponto. Sabemos que a partida será decisiva para ambas as equipes, mas se a equipe santista entrar em campo com a postura que vem utilizando nas últimas partidas, a probabilidade de sair do Rio de Janeiro com um resultado positivo é grande.

A partida marcará também o segundo reencontro de Diego, jogador flamenguista, com o Peixe. O meia foi revelado pela base santista e em entrevistas durante a semana deixou claro seu carinho e admiração por alvinegro praiano.

Para o jogo deste domingo, Yuri, será mantido na zaga santista acompanhado de David Braz. A provável escalação do Santos deve contar com Vanderlei; Victor Ferraz, David Braz, Yuri e Zeca; Thiago Maia, Renato e Lucas Lima; Vitor Bueno, Copete e Ricardo Oliveira.

Os desfalques ainda continuam sendo os mesmos, dos zagueiros Gustavo Henrique e Luiz Felipe (ruptura de ligamentos do joelho); e de Jean Mota, que está suspenso.

A arbitragem ficará por conta de Eduardo Tomaz de Aquino Valadao (GO), auxiliado por Alessandro A Rocha de Matos (BA) e Bruno Raphael Pires (GO).

Vamos lutar até o fim, pois enquanto houver chances, haverá esperança!

VAI PRA CIMA DELES, SANTOS!

Carolina Ribeiro