Avaí joga mal, choca um total de 0 pessoas e perde para o Bahia

Foto: Divulgação/Internet

 

Não é de hoje que o Avaí vem apresentando um futebol pífio no primeiro tempo, e contra o Bahia não foi diferente. A equipe comandada por Geninho assistiu o Tricolor do Aço mandar e jogar sozinho no primeiro tempo, e logo aos três minutos viu Artur disparar em velocidade, mas graças a Deus parou em Vladimir. O Leão da Ilha criou poucas chances e conseguiu perder TODAS, foi um verdadeiro Deus nos acuda e um "eita" atrás de "eita".

 

O goleiro avaiano trabalhou bastante na primeira etapa, enquanto o restante do time usufruía do "sócio torcedor vip" de apenas assistir a partida dentro de campo, principalmente o sistema defensivo. Se não fosse pelas defesas aplicadas por Vladimir o Avaí ia sair de campo com uma derrota desastrosa.

E de tanto o Bahia insistir, eles abriram o placar aos 39 minutos, com Artur, que partiu em velocidade (novamente) ganhando da marcação e tocou por cima do arqueiro, que ainda conseguiu defender, mas nada pôde fazer no rebote que foi aproveitado pelo atacante baiano.

 

No segundo tempo, o Avaí manteve a formação de três zagueiros que só Deus sabe o porquê da insistência nele. Kuande e Luanderson (graças aos céus porque o bichim foi péssimo nesse jogo) deram lugar para Luan Pereira e Brizuela. Como de costume, o Avaí voltou bem pro segundo tempo, coisa que deveria fazer desde o início do jogo, mas parece que ainda não foi trabalhado sobre isso com os jogadores. Getúlio chegou a empatar a partida, mas viu seu gol ser anulado por impedimento. Logo em seguida houve pênalti assinalado pelo árbitro em cima de Nino Paraíba, mas após consultar o VAR o juiz voltou atrás.

 

Foto: Divulgação/Internet

 

O Bahia não manteve o ritmo apresentado no primeiro tempo e com isso o Avaí possuiu mais posse de bola, criou algumas chances relevantes, mas não soube aproveitar nenhuma delas, foram poucas criatividades para transformar a posse de bola em gol. Vladimir ainda continuou operando milagres na partida, em uma delas foi em um chute de Gilberto dentro da pequena área.

 

A única boa chance do Avaí foi no último minuto com Daniel Amorim, que após um ótimo cruzamento de Paulinho cabeceou firme, mas viu o goleiro Douglas se esticar todo para espalmar e evitar o empate. Após esse lance o jogo acabou e Avaí amargou sua segunda derrota pelo Brasileirão. O zagueiro Betão disse em entrevista que a equipe de Santa Catarina precisa ligar o alerta se quiserem permanecer na série A:

 

"Acho que falta um pouco de maturidade para a nossa equipe. Disputamos a Série A, tem que estar mais concentrado e diminuir os erros. Só luta e vontade não é suficiente na Série A. Temos de reagir o mais rápido possível, vencer o quanto antes. O discurso de jogar bem não basta. Temos que vencer urgentemente já na próxima rodada.”

 

Se o Avaí quiser permanecer na elite do brasileirão, vai precisar mostrar que tem futebol. Não adianta apenas jogar no segundo tempo sendo que o resultado não vem. Foi assim contra o Atlético, contra o Grêmio e agora na partida contra o Bahia. Não adianta apenas se "defender", ver Vladimir jogar sozinho e nada fazer. Mais um jogo abaixo do esperado e que precisa ser arrumado pra ontem, são pontos perdidos e que lá na frente poderá fazer falta. Ainda não está na hora de total desespero, mas se o Avaí não se posicionar e acordar pra vida vai ficar difícil.

 

Geninho refletiu sobre a diferença da equipe no primeiro e segundo tempo e dos erros do Avaí em campo como dar muito espaço para o adversário:

 

"O time esteve mal no primeiro tempo, não encaixou. Estamos pecando muito em deixar o adversário tomar conta, sair na frente e reagirmos. Acho que no segundo tempo começamos melhor. Criamos algumas chances, poderíamos fazer um gol, mas o primeiro tempo ficou muito abaixo e isso pesou."

 

Foto: Jefferson Peixoto/Futura Press

 

Com essa derrota o Avaí segue sem vencer no Brasileirão. Com apenas um ponto conquistado em casa, contra o Grêmio. O time catarinense é o penúltimo colocado. Agora o Avaí se prepara para encarar o CSA, na Ressacada às 19:00 (Horário de Brasília) no domingo.

 

ACORDA AVAÍ!!

 

PAIXÃO PRA TODA VIDA!!

Campeão Catarinense e na série A.

 

Por: Thais Santos