AZEDOU NA ARENA

 

CORINTHIANS PERDE POR 2 x 0 E SE COMPLICA NA COPA SUL-AMERICANA

 

Foto: Marcos Ribolli

 

É Corinthianada deu ruim! No solo sagrado de Itaquera o Timão foi surpreendido pelo Independiente del Valle e acabou sendo derrotado por dois gols de diferença, no confronto de ida das semifinais da Copa Sul-Americana. Agora, o time tem uma missão quase impossível, vencer no Equador por no mínimo 2 a 0, para levar o confronto para os pênaltis.

Já dizia o sábio Chorão, o impossível é só questão de opinião, então se nós não acreditarmos que ainda é possível brigar pela vaga na grande final, quem é que vai acreditar?

Mas sejamos francos, para que isso ocorra muita coisa tem que mudar...

Novamente o Corinthians fez um primeiro tempo decepcionante,  pouco ofereceu perigo ao adversário e em mais um erro da defesa levou o  gol. Na etapa complementar o time veio para o tudo ou nada, foi bem melhor em campo, mas era um daqueles dias em que nada dá certo, e levamos o segundo tento, novamente com Gabriel Torres. Esse gol foi um balde de água fria no time, que acusou o golpe e voltou a jogar mal.

O Independiente foi inteligente, e diferente de nós, não abriu mão do ataque. Os mais de 37 mil presentes não assustaram os equatorianos, que chegaram a sua primeira vitória fora de casa no torneio apostando nos contra-ataques e na velocidade de Dájome e Sanches.

O time todo esteve abaixo - novamente, apesar de ter proposto mais o jogo na segunda etapa, e os erros custaram caro. Agora temos uma Guerra no Equador, tendo a obrigação de sermos perfeitos na altitude. Carille falou em falta de jogadores, mas o esquema tático não favorece nossas melhores peças. Caímos no ostracismo, somos previsíveis e o futebol é bem medíocre.


 

Por Mariana Alves