BAH, ATROPELAMOS!

 

ALGUÉM ANOTOU A PLACA?

 

Pelas quartas de final da Copa do Brasil, o Grêmio recebeu o Atlético Paranaense em sua casa e literalmente liquidou o adversário.

Foto: Grêmio Oficial

O JOGO

Na Arena do Grêmio, diante de sua torcida, o atual campeão da Copa do Brasil deu um baile nos paranaenses, vencendo por 4x0 e está cada vez mais próximo da semifinal da competição.

No primeiro tempo só deu tricolor gaúcho, e nas poucas vezes em que o visitante conseguiu chegar perto do ataque, pouco assustou. Já o imortal sempre que chegava, chegava com perigo! O Atlético até que tentou se segurar, mas a noite era dos donos da casa.

Logo no início da partida a equipe de Renato Gaúcho foi pra cima, criando boas chances e aos 22 minutos, Lucas Barrios recebeu de Pedro Rocha e abriu o marcador com um belíssimo gol.

Muito melhor em campo o Tricolor dos Pampas ampliou a vantagem aos 29 minutos e mais uma vez com Barrios, em rebote.

Créditos: www.manoelpetry.com.br


Para finalizar a etapa inicial e praticamente liquidar a partida, aos 32 minutos Kannemann subiu mais alto que a defesa rubro-negra e marcou o terceiro gol.

Na volta do intervalo os donos da casa mesmo com o 3x0 no agregado, seguiram dominando o confronto. Com 12 minutos do segundo tempo Barrios quase fez o terceiro dele, mas o goleiro atleticano praticou boa defesa.

Os visitantes estavam visivelmente nervosos e aos 19 minutos, o meia Nikão foi expulso. Se a situação já estava boa para o Imortal, após isso ela ficou ainda melhor.

Foto: Grêmio Oficial


O último gol da partida (o 4 do Grêmio) saiu no finalzinho do jogo quando Everton recebeu de Fernandinho, invadiu a área e bateu na saída de Weverton, finalizando assim a goleada.

Sobre a partida o comandante Renato Gaúcho, deu entrevistas após o jogo, e claramente pediu um Grêmio com os pés no chão para o jogo de volta:

“A equipe se comportou muito bem. Foi o segundo melhor jogo do ano, o primeiro foi contra o Cruzeiro. A equipe agora se apresentou bem em todos os sentidos. Vocês podem ver pelos números, pelas atuações. Acho que deu para o gasto. Agora, falar que a vaga está decidida, de maneira alguma. O futebol é uma caixinha de surpresa, muita coisa acontece. Nós construímos uma boa vantagem, mas jogamos só 90 minutos e tem outros 90 lá em Curitiba”, disse Renato.

Com a classificação praticamente encaminhada, o Grêmio vai para o jogo de volta que acontece no dia 27 de julho, na Arena da Baixada com uma vantagem larga, podendo perder até por três gols de diferença, que se garante na próxima fase da competição.

Sobre este texto, importante destacar que dessa vez, quem escreveu o pós-jogo foi a colunista adversária. SIM! A colunista Vanusa Caetano apostou que se o Grêmio ganhasse ia escrever sobre a partida. Promessa é dívida e ela cumpriu muito bem a aposta, parecendo até que virou um pouco gremista.


Por Vanusa Caetano