Bahia goleia Tupi-MG na Arena Fonte Nova e cola no G4

Na noite desse domingo (09) o Bahia provou sua fama de bom mandante e goleou o tupi por 4 a 0. 

 

O tricolor começou o jogo com muita pressão, Renato Cajá abriu o placar aos 11 minutos do primeiro tempo, e logo após aos 17 minutos com cruzamento de Edigar Junio,Wesley Natã balançou a rede outra vez, quando a torcida ainda comemorava o segundo gol, aos 19 minutos Juninho marcou mais um para a alegria da nação tricolor.

 

A partir daí com o placar a seu favor o time baiano começou a tocar a bola com paciência deixando o ritmo do jogo cair. Na segunda etapa o Tupi seguiu jogando com dificuldade, produzindo pouco, chegou na área adversária pouca vezes sem grande preocupações para Muriel, goleiro do esquadrão. Aos 21 minutos do segundo tempo Régis que tinha acabado de entrar no jogo marca mais um e fecha o placar.

 

Fonte: https://esporte.uol.com.br

 

Apesar do bom jogo a torcida não perdoou o atacante Hernane, que está a quatro rodadas sem balançar as redes, no momento que o jogador tocava na bola as vaias ecoaram no estádio, após a partida o técnico Guto Ferreira saiu em defesa do jogador e demonstrou ficar chateado com a torcida.  “O cara está trabalhando pra caramba. A função dele não se resume só em fazer o gol. Nós estamos ganhando por 4 a 0 e o torcedor fica pedindo para tirar o Hernane? Vamos ter paciência. Não é assim. Queira, ou não queira, o Hernane é uma referência. Ele vem se cobrando muito e vai fazer o gol na hora certa. Ele vai fazer o gol da classificação”,  disse Guto.

 

Neste domingo (09) também o atacante Wesley Natã fez sua estreia pelo tricolor e marcou seu primeiro gol como profissional, foi uma grande emoção para o garoto que foi às lágrimas."Sentimento maravilhoso. Todo atleta que começa base sonha em chegar no profissional e melhor jeito do que estrear com gol, não tem. Lembrei de tudo, o tempo que fiquei longe de casa. Para mim foi um presente", falou Wesley.

 

Fonte: https://ecbahia.com/

 

Foi um jogo tranquilo, o Bahia venceu a partida com soberania e está bem próximo do G4, só dois pontos separam o time da zona de classificação, agora é pensar em vencer o Brasil de Pelotas, jogo que vai acontecer nesta sexta-feira, também em sua casa a Arena Fonte nova.

 

Ficha Técnica

 

Bahia 4 X 0 Tupi


 

Cartões Amarelos: Gabriel Santos (Tupi) e Marcel (Tupi).

 

Bahia: Muriel, Eduardo, Tiago, Jackson, Tinga, Juninho (Feijão), Luiz Antonio, Renato Cajá (Régis), Wesley Natã (Victor Rangel), Edigar Junio e Hernane. Técnico: Guto Ferreira.

 

Tupi-MG: Rafael Santos, Henrique, Gabriel Santos, Thiago Sales, Bruno Costa, Renan Teixeira, Pedrinho (Marcos Serrado), Hiroshi, (Gian Carlos), Marcel, Ygor, Jonathan (Thiago Espindula). Técnico - Ricardinho.

 

Arbitragem: Luiz César de Oliveira (CE).

 

Assistentes: Marcione Mardonio da Silva (CE) e Armando Lopes de Sousa (CE).

 

Por Milena Monteiro - Vamos meu tricolor, juntos voltaremos!