BASE RUBRO-NEGRA: O VITORIOSO 2016 E A ANSIEDADE POR 2017

 

As categorias de base é o lugar onde acontece a iniciação esportiva do atleta. Com a formação técnica, tática, cognitiva e psicológica iniciada, o esportista é transformado em um atleta apto a realizar suas atividades nos mais altos níveis de intensidade e exigências condizentes com o esporte.

As competições disputadas pelo Sport em 2016 mostraram o quanto nossa base é forte.

O sub-13 disputou cinco competições e faturou quatro. O time que é o atual campeão pernambucano, além das conquistas em sua categoria, conquistou também a Copa do Nordeste Sub-14 e teve seu goleiro Felipe eleito o melhor da posição em duas competições.

O sub-15 foi campeão pernambucano invicto com sete vitorias em sete partidas disputadas e se sagrou vice-campeão da Copa do Brasil.

O sub-17 chegou a final da Copa do Brasil e ficou com o 2º lugar. Com as estrelas Juninho, Pardal e Patrick conquistaram também o campeonato pernambucano.

O time sub-20 foi protagonista da melhor campanha do Sport na Copa São Paulo de Futebol Júnior, chegando as quartas de final da competição. Após ser bicampeão pernambucano, o grupo também chegou às semifinais da Copa do Brasil.

 

Foto: Williams Aguiar / Sport Club do Recife

 

Se preparando para a edição 2017 da Copa São Paulo, a meta colocada é para superar o 5º lugar da última edição.

O Sport está no grupo 8, que tem como sede a cidade de Cravinhos-SP. Os jogos serão disputados no Estádio J.D. Martins.

A estreia está marcada para o dia 3 de janeiro, contra o Batatais. A segunda partida acontecerá dia 5, contra o Rio Claro. A equipe encerra sua participação na fase de grupos contra o Comercial, no dia 7. As partidas estão marcadas para às 16h (Horário brasileiro de verão). Nenhum jogo do Leão na primeira fase será televisionado.

O regulamento da competição diz que apenas os dois melhores colocados de cada grupo avançam para a fase mata-mata.

Que a experiência e a raça rubro-negra continuem sendo colocadas em prática por esses garotos e que em 2017 haja a máxima interação possível entre a base e o profissional.

Nossa base é a nossa maior joia.

Beatriz Cunha