Catastrófico...

Uma noite para se apagar da memória.

Irreconhecível partida fez o Ceará ontem (13) pela terceira fase da Copa do Brasil. Desentrosamento, zaga batendo cabeça, pouca criação e o objetivo de sair do Almeidão com qualquer vantagem? Ah... Melhor esquecer.

O técnico Sergio Soares, visando a sequência de jogos pela Série B, resolveu poupar alguns titulares e mandou para campo um time misto em que apenas 05 titulares iniciaram a partida diante do Alvinegro da Paraíba (Everson; Charles; Eduardo; Richardson e Bill). Sabíamos que seria um jogo difícil e que corríamos o enorme risco de sair de campo com a derrota, mas foi pior do que esperávamos, pelo placar, pelos erros e infantilidades vistas em campo.

Os 05 minutos iniciais enganaram o torcedor Cearense, pois o Ceará tocava a bola, mantinha a posse.  Mas em cruzamento de João Paulo pela direita para a pequena área, quando a bola já estava praticamente nas mãos de Everson e não tinha ninguém do Botafogo/PB no lance, Sandro inacreditavelmente colocou a bola para dentro. Uma falha monstruosa do Zagueiro do Ceará, que não está em um bom momento há certo tempo. O Belo só agradeceu e comemorou o primeiro gol da partida.

https://pbs.twimg.com/media/CnSW31hWcAAamQj.jpg

Falha grotesca de Sandro, que só se lamenta. 

FOTO: retirada da Internet

O Ceará até tentou manter o equilíbrio e chegou ao ataque 03 vezes com Bill, mas as chances foram desperdiçadas pelo atacante, que na primeira delas driblou o marcador, mas não conseguiu marcar. 03 minutos depois, novamente ele, fez boa jogada e chutou forte, mas balançou as redes apenas pelo lado de fora e, logo após, em bom cruzamento, cabeceou errado, jogando fora a chance de empatar e nivelar novamente o jogo.

O Botafogo/PB que nada tinha haver com isso, chegou novamente ao ataque aos 30’ e, diferente do Ceará, não desperdiçou e ampliou o marcador com belíssimo gol do Zagueiro Plinio.

https://imgsapp.esportes.opovo.com.br/app/noticia_128033434835/2016/07/13/3092905/2Botinha19.JPG

Plínio comemora gol. 

FOTO: Raniery Soares/Correio da Paraíba

E como se não bastasse o Vovô batendo cabeça dentro de campo, no fim do 1º tempo, Thiago Cametá aceitou uma provocação verbal de Jéfferson Recife e infantilmente “agrediu” o rival. O lateral levou cartão vermelho direto e foi mais cedo para os vestiários, complicando ainda mais para os visitantes.

Em um segundo tempo pior, com um a menos, a intenção do Ceará era apenas não levar mais gols, mas não foi o ocorrido. O time se mostrava muito desorganizado em campo e levou mais um gol, de novo de Plinio, um zagueiro oportunista que ampliou o marcador e fez a alegria dos donos da casa, dificultando ainda mais para o time Cearense. Após o terceiro gol, o técnico Sergio Soares fechou de vez para não complicar ainda mais e o Belo da Paraíba, satisfeito com o placar, tirou o pé. Everson ainda foi eficaz e fez duas boas defesas para não piorar a situação.

Agora o foco é o Brasileiro, o Ceará enfrenta o Criciúma neste sábado (16) na Arena Castelão, em confronto direto pela permanência no G4.

E após esse jogo deverá pensar na melhor estratégia para conseguir reverter a derrota diante do Botafogo/PB. A partida de volta está marcada para Quarta-Feira (20), no Estádio Presidente Vargas ,e o Ceará precisa fazer 3x0 para levar a partida para as penalidades máxima. Se sofrer gol, não terá mais possibilidade de pênaltis, devido ao critério do gol fora de casa, e terá que vencer sempre com uma diferença de 4 gols, Exemplo: 5x1, 6x2.

Embora o maior foco de todos que fazem parte do Ceará Sporting Clube seja o acesso á Serie A, não queremos abrir mão, assim, da vaga na Copa do Brasil, por ser uma competição de visibilidade e que trás renda ao cofre do clube, então vamos pra cima deles. Será difícil, mas não impossível e temos capacidade de reverter a situação.

O Botafogo/PB ficará um pouco pela Capital Cearense, neste domingo (17) enfrentará o F3C pela terceira divisão e já fica na terra para enfrentar o Ceará na Quarta (20). Um time que vem crescendo e apresentando um bom futebol, defenderá com muita garra a possibilidade inédita de avançar na Copa do Brasil. Que o Ceará dificulte o caminho deles e consiga reverter o placar.

Ficha Técnica do Jogo:

Ceará: 4 – 5 – 1 / Técnico: Sergio Soares

Éverson; Thiago Cameta , Charles, Sandro e Eduardo; Baraka, Richardson, Ricardinho, Tomas Bastos (Felipe) e Seginho (Alex Amado) ; Bill (João Marcos)

Botafogo/PB: 4-4-2 / Técnico: Itamar Schulle

Michel Alves; João Paulo, Plinio, Marcelo Xavier e Jéfferson Recife (Assis); Sapé, Djavan, Pedro Castro (Henik) e Marcinho; Warley (Danielzinho) e Rodrigo Silva.

Cartões Amarelos: Baraka e Richardson (Ceará) / Plínio e Jéfferson Recife (Botafogo/PB)

Cartão Vermelho: Thiago Cametá (Ceará)

Árbitro: Salim Fende Chavez.

https://reidabola.com/wp-content/uploads/2015/06/Tua-gloria-%C3%A9-lutar-Blog-do-Voz%C3%A3o.jpg

Hoo eu Acredito ♪

Por: Priscylla Lima