CLÁSSICO É CLÁSSICO NÉ...


Na terceira partida longe de casa, o Vasco vai buscar quebrar mais um tabu para seguir subindo na tabela.

 

FOTO: Site Oficial/Vasco.com.br

A primeira vitória no campeonato fora de casa, no último domingo, deu aquele ânimo para o Vasco começar bem a semana do clássico diante do rival Rubro-Negro. Porém semana de clássico contra eles é aquilo, notícias nada a ver para tirar a nossa paz, polêmicas sem noção... mas, acho que quanto a isso já estamos acostumados e felizmente não teve nada demais para afetar o elenco. 

Por causa de alguns motivos extra campo, já que o Vasco é o mandante, mais uma vez o clássico dos milhões não será disputado no Rio de Janeiro, e sim em um estádio bastante conhecido das duas equipes, o Mané Garrincha, em Brasília. A expectativa é de um bom público, já que até o momento foram vendidos mais de 52 mil ingressos para o jogo que está marcado para às 19h (horário de Brasília). 

O Vasco vem a cada rodada buscando ficar mais longe dos times que estão na zona de rebaixamento, e até o momento vem conseguindo. A última rodada foi bem favorável ao cruz-maltino, que também fez a sua parte, e apesar de estar na décima quinta posição, pelos critérios de desempate com 17 pontos, já tem uma boa vantagem para o primeiro time fora da zona do rebaixamento. Para esse jogo o foco é vencer para pensar um pouco mais alto.

"A motivação já se dá por ser um Vasco x Flamengo. É um clássico importante, mas que não define nada. A competição continua, tem todo o segundo turno. Se colocarmos importância maior, não está correto." (Vanderlei Luxemburgo)

PREPARAÇÃO:
Essa semana, o técnico Luxemburgo teve que quebrar a cabeça para montar o time titular que vai entrar em campo neste sábado. Isso porque o treinador tem desfalques importantes, como é o caso do volante Marcos Jr, que deu certo como titular e marcou o gol da vitória diante do Goiás e Marrony que forma o trio de ataque titular, ambos estão suspensos pelo terceiro cartão amarelo. Outro desfalque que gerou bastante discussões, principalmente nas redes sociais, é a situação do atacante Talles, que até o momento não foi liberado pela CBF para atuar no jogo. 

O atacante foi convocado para os amistosos da seleção sub-17, mas com os desfalques e até por ser um jogador bastante importante para a equipe nesse momento, o clube esperava contar com o atleta e não o liberou para a seleção, o que não é errado. 

O Vasco entrou com um recurso no STJD e espera a resposta, já o ex-jogador Branco, que hoje é coordenador das divisões de base da CBF, disse que não vai desconvocar o jogador:

"-Não abrimos mão dos melhores. Estávamos indo com a quarta e quinta opção. Não ganhávamos nem torneios. A gente quer top do top. Jogador que é convocado não vai ser mais desconvocado. Talles até outubro e dezembro era pouco conhecido, agora é muito conhecido. Temos um ano e meio para o Mundial sub-20. Os melhores virão. Se não se apresentarem... Talles é um dos melhores. Não vamos abrir mão dele, que fique bem claro."

 

Foto: Rafael Ribeiro/Vasco 

Durante a semana, Talles treinou normalmente na equipe, porém, por ainda ser uma situação indefinida, ficou no time reserva, e viajou normalmente com a equipe nesta quinta-feira (15), para Brasília, onde o time foi recebido com bastante festa pelos torcedores na chegada ao aeroporto. 

Depois de falar dos desfalques, vamos falar das soluções que o técnico Luxemburgo achou para o lugar dos desfalques. Eu sei que não vai ser nada fácil olhar para a escalação e ver dois jogadores insuportáveis e nulos como Lucas Mineiro e Marquinho, mas infelizmente vão ser eles mesmos (Misericórdia).

Provável Vasco: Fernando Miguel, Cáceres, Henriquez, Castan e Henrique; Richard, Raul e Lucas Mineiro; Pikachu, Tiago Reis e Marquinho.

Na coletiva, o treinador não quis muito explicar o porquê da mudança, segundo ele para não dar muitas explicações ao adversário,  mas preferiu manter a estrutura da equipe. Para o clássico, ainda teremos mais duas novidades, uma no time titular, a volta do atacante Tiago Reis no lugar de Talles Magno, e no banco de reservas teremos a volta do zagueiro Breno, depois de mais de um ano sem ser relacionado por conta de lesões e cirurgias no joelho, uma ótima notícia.

"Perdemos jogadores importantes. Nosso grupo não é muito grande. Os desfalques vieram de uma vez. Ainda não sabemos como está o Talles. Mas vamos com o que temos. Vai ser 11 contra 11. Vamos dar o máximo." (Yago Pikachu)

Foto: Rafael Ribeiro/Vasco
 

OUTRAS INFORMAÇÕES SOBRE A PARTIDA:


Árbitro: Leandro Pedro Vuaden

Assistentes: Kleber Lucio Gil e Jorge Eduardo Bernardi

VAR: José Claudio Rocha Filho

Onde Assistir: Premiere

Provável Rival: Diego Alves, Rodinei, Thuler, Pablo Marí e Filipe Luís; Willian Arão, Cuéllar (Everton Ribeiro), Gerson e Arrascaeta; Bruno Henrique e Gabriel Barbosa.

Texto: Jessica Martins.