COM A PALAVRA, GIANNI INFANTINO

https://www.gazetaesportiva.com/wp-content/uploads/imagem/2018/07/13/000_17K2NA-1024x682.jpg

(Foto: AFP)

 

Presidente da Fifa fez um apanhado geral do Mundial em coletiva de imprensa concedida nesta sexta (13)

 

As vésperas da final da Copa do Mundo da FIFA na Rússia, que acontecerá no neste domingo (15), no Estádio Luzhniki, em Moscou, Infantino, falou à imprensa sobre suas impressões do torneio. Com roupa de voluntário da Copa do Mundo, ele afirmou que a Rússia foi a melhor anfitriã de todos os tempos, além de agradecer o governo russo, o COL e a Federação Russa de Futebol.

“Dissemos que queríamos que esta fosse a melhor Copa do Mundo de todos os tempos e foi a melhor Copa do Mundo de todos os tempos. Esta Copa do Mundo mudou a Rússia, que se tornou um verdadeiro país de futebol. O futebol agora faz parte do DNA do país. Também mudou a percepção do mundo sobre a Rússia. Cerca de um milhão de pessoas vieram para o mundial e todos descobriram um país maravilhoso e acolhedor”, disse.

O presidente da Fifa destacou também a importância da participação dos voluntários que trabalharam muito para tornar este evento um grande sucesso e a todas as seleções que fizeram um espetáculo dentro de campo.

“Os voluntários foram o sorriso e o coração da Copa do Mundo. As 32 equipes que chegaram aqui, nos fizeram sonhar; um grande obrigado a eles. Foram eles, os jogadores, que falaram no campo. Agora temos uma final muito especial entre a França e a Croácia, duas equipes que jogaram uma importante semifinal em 1998. Parabéns a elas”, comentou.

Como jornalista não perde a piada, houve o momento onde um deles perguntou sobre as constantes quedas do brasileiro Neymar e seu rendimento bem abaixo do esperado. Uma saia justa. Infantino até defendeu o jogador, mas o fez com humor e risadas.

“Ele é um grande jogador, esta é a primeira coisa. Quando falo de jogadores talentosos, que nos fazem sonhar, não posso dizer palavras negativas sobre eles. Neymar é uma dessas lendas de alto nível, mas claro (silêncio e gargalhada)… Ele vai mostrar para nós mais de suas habilidades, de suas habilidades reais no futebol”, declarou.

 

Por: Carla Andrade

Fonte: Site oficial da Fifa