Com atuação pífia, Atlético perde no Equador e adia possível classificação.

Na noite desta quarta-feira (06), às 21h45 (Horário de Brasília), Atlético e Independiente del Valle se enfrentaram em Sangolqui, no Equador, e o time mandante saiu com a vitória. A partida foi válida pela 5ª rodada da fase de grupos e aconteceu no estádio Rumiñahui com um gramado bastante prejudicado, que atrapalhou bastante o jogo das equipes.

(Foto: SuperEsportes)

O primeiro tempo de jogo marcou uma péssima atuação da atleticana, se mostrando irreconhecível. Já aos cinco minutos, quando Cabezas tentou um cruzamento para a área, a bola desviou em Marcos Rocha matando o goleiro Uílson. 1 a 0 no placar. A equipe visitante esboçou uma reação quando aos 9 minutos, após passe de Cazáres, Jr. Urso empatou o jogo. Mas parou por ai. O setor defensivo continuava falhando muito, sempre dando espaço para que os jogadores do Independiente del Valle trabalhassem a bola com tranquilidade. A lateral esquerda do Atlético não funcionava e Julio Ângulo aproveitava bem aquele lado do campo para se lançar ao ataque.

Aos 20 minutos, em cobrança de falta, Sornoza marcou o segundo para o Del Valle após falha do goleiro Uílson, que apenas viu a bola parar no fundo das redes. O time mandante continuou buscando o ataque e, aos 40 da primeira etapa, Dario Herrera assinalou pênalti quando Leonardo Silva desviou a bola com a mão dentro da área. Sornoza conferiu mais um.

Para o segundo tempo, o técnico Diego Aguirre optou por colocar mais um volante como tentativa de ajustar os erros de marcação que vinham acontecendo. Logo aos 2 minutos da etapa complementar, o atacante Lucas Pratto foi segurado dentro da área e ele mesmo converteu o pênalti, diminuindo para o Galo. O segundo gol do Galo garantiu a equipe a manutenção da liderança do grupo, por saldo de gols.

O comandante do Galo ainda fez outras alterações para tentar mudar o panorama da partida e, com uma pequena melhora, o time alvinegro buscava o empate. Contudo, o resultado final permaneceu favorável ao time da casa. Certamente, essa foi uma das piores atuações do Atlético na temporada que na próxima quinta-feira (14) vai tentar a classificação. Jogando em casa, o time precisa de apenas um empate contra o Melgar, que ainda nem pontuou na competição, para se garantir na próxima fase.

FICHA TÉCNICA

Cartões amarelos: Erazo, Robinho, Leonardo Silva (Atlético-MG);

Gols: Jr. Urso e Lucas Pratto – Atlético-MG; Cabezas  e Sornoza (2)- Independiente del Valle

Independiente del Valle: Daniel Azcona, Cristhian Nuñes, Arturo Mina, Luis Caicedo e Luis Ayala; Mario Rizotto, Jeferson Orejuela, Julio Ângulo (Emiliano Tellechea); Junior Sornoza (Uchuari), Bryan Cabezas e Jacson Pita (Jose Ângulo) – Técnico: Pablo Repetto

Atlético-MG: Uílson, Marcos Rocha, Leonardo Silva, Erazo e Douglas Santos (Lucas Cândido); Jr Urso, Rafael Carioca e Cazáres (Leandro Donizete); Luan, Robinho (Carlos César) e Lucas Pratto – Técnico: Diego Aguirre

Arbitragem: Dario Herrera (árbitro); Herman Maidana e Juan P. Belatti (auxiliares)

Júlia Campos