Com o "time misto" Real Madrid vence e Gareth Bale volta aos gramados com estilo

 

 

 

Fotos: Real Madrid oficial

 

Para alguns times, entrar em campo com o time misto, é motivo de preocupação. No entanto, para o Real Madrid não é nenhum pouco preocupante, e a prova disso foi o duelo deste sábado (18/02), diante da equipe do Espanyol, no Santiago Bernabéu. O técnico Zidane poupou alguns jogadores, como por exemplo o atacante Benzema, o meia Modric, o zagueiro e capitão Sérgio Ramos que ficou de fora devido à um incômodo no quadril direito. Já o lateral Marcelo e o volante Casemiro ficaram no banco de reservas.

 

Com o "time misto", os merengues não tiveram dificuldades para vencer o Espanyol. O time da casa começou em ritmo acelerado em busca do primeiro gol, porém parava na defesa do adversário, que jogava na retranca . Cristiano Ronaldo até marcou, porém foi marcado impedimento, em um lance muito difícil para não dizer que o gol foi mal anulado.

Mas com tanto volume de jogo dos donos da casa, o Espanyol não suportou a  pressão dos donos da casa  e aos 33 minutos da etapa inicial os merengues abriram o placar. A jogada começou com o camisa 22 Isco que puxou pela direita e levantou na área para Morata cabecear pro gol abrindo o placar no Bernabéu. Minutos antes a torcida madridista já tinham ido à loucura com uma jogada sensacional de Cristiano Ronaldo, em jogada pela esquerda ele deu um elástico e passou a bola por baixo das pernas do adversário, levando não só a torcida presente no Bernabéu à loucura como a todos os amantes do futebol.

 

 

Fotos: Real Madrid oficial

 

No segundo tempo, o técnico Zidane substituiu Nacho e Kovacic pelos jogadores Marcelo e Casemiro respectivamente. No entanto à torcida merengue aguardavam uma outra substituição. A tão esperada volta de Gareth Bale. E veio aos 25 minutos da etapa final, quando Zidane tirou o autor do gol da partida Morata, e colocou Bale em campo. O jogador entrou em campo e mostrou que está recuperado pronto para ser decisivo e ajudar o time à conquistar títulos. O cartão de visitas para mostrar que está de volta pra valer veio aos 38 minutos do segundo tempo. Em um contra ataque rápido, Bale arrancou para receber um passe de Isco e chutar colocado para ampliar o placar matando o jogo para os merengues.

 

A vitória diante do time da cidade de Barcelona, foi importante não só pela disparada da equipe madridista na ponta da tabela, mas também para bater recorde. O time de Zidane completou 42 jogos consecutivos que marca pelo menos um gol por jogo. A última vez em que o time não marcou, foi em 26 de abril de 2016, quando empatou por 0x0 diante do Manchester City na Inglaterra, em jogo válido pela semifinal da Liga dos Campeões.

 

Com a vitória, o Real Madrid foi a 52 pontos; seguido por Sevilla com 49, Barcelona com 48 (mais ainda não jogou na rodada), o G4 fecha com o Atlético de Madrid que também venceu na rodada com 45 pontos.

É sempre bom lembrar que o Real Madrid tem dois jogos a menos, o que deixa cada vez mais os torcedores madridista animados, que o título é só questão de tempo.

 

O líder do campeonato volta a campo na próxima quarta feira às 14:45 (horário de Brasília), dia 22/02. Os merengues vão até o estádio Mestalla enfrentar a equipe do Valência.


Rosileide Ribeiro