Com quatro derrotas consecutivas, Portuguesa não consegue avançar no Paulista

 

(Foto: divulgação/futeboldecampo.net)


 

O que já é ruim pode piorar? Se o assunto é Portuguesa, sim. Com quatro derrotas consecutivas, uma pela Copa do Brasil e três pelo Campeonato Paulista, a rubro-verde não conseguiu somar três pontos diante do fraco time do Capivariano, neste sábado (4), na Arena Capivari.

 

Pela nona rodada da competição, o técnico Tuca Guimarães parece não aprender com os erros do passado e entrou em campo, mais uma vez, com quatro alterações. O comandante da Lusa conta com diversos rebaixamentos em seu currículo e, se nada for feito, tem grandes chances de somar mais um.

 

A Portuguesa começou melhor a partida e perdeu algumas chances claras de gol. Logo aos 12 minutos, Bruno Santos foi derrubado na área, Adilson cobrou o pênalti e Yogor defendeu. A equipe adversária começou a reagir, mas o primeiro tempo acabou sem gols.

 

Já na segunda etapa, aos três minutos, Correa bateu escanteio e Neto abriu o placar. É o que diz aquele famoso ditado “quem não faz, toma”.

Os jogadores até tentaram empatar diante do péssimo time do Capivariano mas a partida terminou em 1 a 0 para o mandante.

 

 

A VOLTA DOS QUE NÃO FORAM

 

Vários veículos de comunicação anunciaram a saída do técnico Tuca Guimarães diante da derrota sofrida em Osasco, na última quarta-feira (1). Mesmo com a pressão da torcida, o comandante rubro-verde permanece no clube até o presente momento.

 

Questionado pelos torcedores e jornalistas, Alexandre Barros segue com a conversa que precisamos ser otimistas e acreditar na vitória. Até hoje nunca vi pensamento positivo fazer ninguém ganhar a mega sena ou salvar um clube... Essa não cola mais, Barros.

 

 

SENTIMENTOS À FLOR DA PELE

 

Com a situação cada vez mais lamentável é difícil não imaginar a possibilidade do fim do futebol profissional da Portuguesa. Só em pensar nisso, muitos olhos enchem de lágrimas e corações ficam apertados.

 

O que fizeram com a nossa Lusa? Tradição, história e glórias indo para o fundo do poço e os representantes do clube preocupados com a briga de egos? Isso não pode continuar assim. Chega de vergonha, humilhação e chacota!

 

É com tamanha tristeza no coração, que encerro o texto. Portuguesa, mesmo sem você merecer, estarei para SEMPRE com você...

 

 

FICHA TÉCNICA:

9ª rodada da série A-2 do Campeonato Paulista

Capivariano 1 x 0 Portuguesa

 

Data: 04/03/2017.

Horário: 10h.

Local: Arena Capivari.

Gols: Neto Alexandre 3' 2T.

 

Portuguesa:

Ricardo Berna; Bruno Santos, Vinicius Gouveia, Everton e Thiago Feltri; Dinho, Tárik (Bruno Silva), Fernando (Bruno Xavier) e Michel; Adilson e Luizinho (Rico).

Técnico: Tuca Guimarães.

 

Capivariano:

Ygor Vinhas; Leandro Silva, Douglas Ozeia e Petterson; Oliveira, Jácio (Gabirel Nunes), Correa, Deco e Carlos Melo; Bruno Sabiá (Joãozinho) e Bill (Neto Alexandre).

Técnico: Antônio Picoli.

 

 

De rubro-verde para rubro-verde, Thaís Santos.