Com quatro empates e uma vitória Tricolor é único invicto no Brasileiro.

São Paulo e Bahia empataram em 2x2 na Fonte Nova pela 5ª rodada do campeonato Brasileiro neste domingo (13). E o resultado foi péssimo para as duas equipes.

 


(Foto: Rubens Chiri)

 

 

Para o Tricolor de Aço porque o time da casa vencia por 2x1 até os acréscimos da partida, e viu Shaylon sair do banco para empatar o jogo. Para o Paulista porque apesar de continuar invicto no campeonato, tem apenas uma vitória, quatro empates e amarga a 10º colocação do Brasileirão.

 

O Jogo

 

O técnico Diego Aguirre resolveu mexer na equipe que iniciou a partida, e para ganhar mais velocidade entrou Sidão; Militão, Arboleda, Bruno Alves e Reinaldo; Jucilei, Hudson, Lucas Fernandes e Nenê; Everton e Tréllez. O que até surtiu efeito nos primeiros minutos do jogo, tanto que aos 6’ Lucas Fernandes teve uma boa chance de abrir o placar, mas a bola saiu pela esquerda.

 

O problema foi que aos 13’ Hudson derrubou Zé Rafael dentro da área, Edigar Junio bateu, Sidão chegou a acertar o canto e raspar na bola, mas não foi o suficiente para impedir os donos da casa de abrirem o placar.

Três minutos depois Zé Rafael deu um baita susto na torcida do São Paulo, o meia bateu forte e (graças a Deus), acertou só travessão são-paulino.

 

Aos 19’ foi o Tricolor de SP que assustou, Nenê recebeu de L. Fernandes, driblou o goleiro Douglas, mas acabou travado antes de conseguir finalizar.

Só aos 30’ é que o marcador voltou a ficar igual, quando Nenê deu um passe de gênio para Trellez, que dominou no ar e meteu no fundo da rede 1x1.


(Foto: Rubens Chiri)


 

O problema é que ainda no primeiro tempo a equipe baiana voltou a ficar na frente no placar.

Aos 38’ Élber ajeitou de cabeça para Edigar Junio que não deixou escapar, de primeira mandou para o fundo do gol de Sidão.

 

No segundo o tempo o treinador são-paulino precisou mexer na equipe por conta do cansaço dos jogadores e foi graças a uma substituição feita aos 34’ que o Tricolor conseguiu o empate em solo baiano.

 


(Foto: Rubens Chiri)

 

Aos 47’, praticamente no último lance, Everton achou Shaylon que de fora da área empatou o jogo com golaço!


 

Está bom, mas está RUIM!

 

Empatar fora de casa em um campeonato longo e difícil como Brasileirão não é um problema, ainda mais, contra o Bahia e tem muita força jogando na Fonte Nova. O problema é que além de empatar fora o São Paulo também empatou em casa com o Atlético Mineiro e só conseguiu somar 7 pontos até agora na competição. Se olharmos pelo lado positivo são apenas 3 pontos do 1º colocado, agora na visão dos mais péssimas são apenas 7 pontos em 15 disputados, menos da metade.

 

Foco no clássico!

 

Como o São Paulo já está eliminado da Copa do Brasil e a Sul-Americana só volta após a Copa do Mundo, o tricolor tem uma semana toda de treino pela frente para se preparar para o clássico san-SÃO de Domingo, que será as 16 hr de Brasília do próximo domingo (20).


 

FICHA TÉCNICA

BAHIA 2 X 2 SÃO PAULO

Local: Arena Fonte Nova, em Salvador (BA)
Data: 13 de maio de 2018, domingo
Horário: 16 horas (de Brasília)
Árbitro: Dewson Fernando Freitas da Silva (PA)
Assistentes: Helcio Araújo Neves (PA) e Heronildo Freitas da Silva (PA)
Público: 20.847 pagantes
Renda: R$ 529.597,50
Cartão Amarelo: Élber, Everson, Gregore, Elton e Lucas Fonseca (Bahia); Arboleda, Everton e Régis (São Paulo)
Gol: BAHIA: Edigar Junio, aos 11, e aos 38 minutos do primeiro tempo
SÃO PAULO: Tréllez, aos 30 minutos do primeiro tempo, e Shaylon, aos 47 minutos do segundo tempo

BAHIA: Douglas Friedrich; João Pedro, Everson, Lucas Fonseca e Léo; Gregore, Elton, Vinícius (Régis), Zé Rafael e Élber (Mena); Edigar Junio (Kayke)Técnico: Guto Ferreira
SÃO PAULO: Sidão; Militão (Régis), Arboleda, Bruno Alves e Reinaldo; Jucilei, Hudson, Lucas Fernandes (Valdívia) e Nenê (Shaylon); Everton e Tréllez Técnico: Diego Aguirre.

 

Por: Jéssica Gonçalves