COM REINALDO EMPOLGADO, PONTE BUSCA MAIS UMA VITÓRIA EM CASA.

 

 

Ele chegou desacreditado, esculachado pela torcida do seu ex-clube. Chegou quieto e foi conquistando seu espaço. Em poucas partidas provou a que veio e já logo em sua estreia o destino reservava uma surpresa. Contra o São Paulo, o time que o emprestou por render pouco, Reinaldo marcou seu primeiro gol pela Ponte Preta e o único na vitória contra o time da Capital.

No último sábado contra a até então invicta Chapecoense o lateral não decepcionou, mas dessa vez foi em grande estilo. Reinaldo foi o autor de dois mitológicos chapéus, um deles acabou rendendo o segundo gol que deu a vitória a Macaca.

 

Foto: GE

 

Com boas atuações de Pottker e Galhardo a dúvida da torcida alvinegra seria a volta do atacante Clayson, que retornará ao time titular. Segundo Eduardo ele vinha em um bom momento e saiu pra cumprir suspensão, merecendo o retorno ao time titular. Eduardo tem ainda o retorno do atacante Roger que voltou a treinar normalmente após um choque na última partida, que deu de presente um surpreendente galo acima do olho esquerdo.

O técnico Eduardo Baptista fez questão de engrandecer a vitória no último final de semana “Foi uma partida muito igual, brigada no meio, mas valeu a luta de tentar até o fim. Tivemos dificuldades, mas conseguimos derrubar o último invicto. O resultado premia a luta dos atletas. Eles estão de parabéns” 

Eduardo Baptista, técnico da Ponte

 

Com dez pontos, a Ponte aparece na parte de cima da tabela entre os dez primeiros colocados.

Sem muitas mudanças a provável macaca que entrará em campo nessa quarta-feira, as 19h30 no Majestoso, para enfrentar o CAP será:  João Carlos, Jeferson, Fábio Ferreira, Kadu, Reinaldo, João Vitor, Renê Junior, Cristian, Clayson, Felipe Azevedo e Roger (Wellington Paulista)



por Li Zancheta