COMEÇOU MAL PARA A PORTUGUESA

Início de Copa Paulista para a Lusa, que começa com o pé esquerdo, perdendo por 3x0.  

 

Fonte: Leonardo Sguaçabia/ Portuguesa 

 

E a saga para conquistar uma vaga para conseguir uma divisão no campeonato brasileiro começou com o pé esquerdo para a Lusa. Jogando no Estádio José Liberatti, o Rochdalão, a Portuguesa foi goleada por 3x0 para o Desportivo Brasil. 

Para o técnico Zé Maria, faltou personalidade para o time se impor e conseguir a vitória:

"Faltou tudo para a gente. Não é o time que vocês têm acompanhado, o time que eu tenho treinado nesse um mês aqui. Faltou bastante personalidade, faltou repetir o que a gente tem feito nos treinos. Isso é o que diferencia um jogador normal de um jogador bom". 

É normal em uma estreia de campeonato todo mundo começar um tanto nervoso, com bastante cautela e procurando não cometer grandes erros, mas o que vimos foi uma Lusa que abusou deles. O primeiro gol dos visitantes foi feito por Andrade de cobertura. A jogada começou com Fang Hao sendo lançado e dividindo a bola com o nosso arqueiro, que acabou saindo da área na tentativa de afastar o perigo e com isso Andrade aproveitou para marcar.

Já no segundo tempo o Desportivo Brasil se aproveitou do cansaço e dos espaços que nossa equipe dava e aos treze minutos Fang Hao fez uma jogadaça, lançou Luiz Fernando (que estava sozinho) e este ampliou a vantagem dos visitantes para 2x0. Apenas seis minutos depois, aos dezenove da etapa complementar, nosso sistema defensivo cometeu outro erro e pagamos caro por isso. Andrade foi lançado em velocidade e mandou para Luiz Fernando marcar mais um e decretar a derrota rubro-verde por 3x0. A Portuguesa ainda ameaçou o gol adversário em uma cobrança de escanteio de Gerley, que mandou certinho para a cabeçada de Léo Fioravanti, mas a redonda passou rente à trave. 

 

Fonte: futebolinterior.com.br 

Após o revés de ontem, Zé Maria já pensa no próximo confronto e na preparação da equipe para a conquista dos três primeiros pontos:

"A gente não tem tempo, mas temos que recuperar. Não podemos desmoronar na primeira dificuldade, foi isso que aconteceu. Time que quer ser campeão não pode passar por isso".

 

A Lusa volta a campo no próximo sábado (29), fora de casa, contra o Nacional.

 

Se não for sofrido, Não é Portuguesa! 

 

VAMOS À LUTA LUSA!

 

Adriene Domingos