Conscientizem-se: o SANTOS é maior que qualquer jogador!

Com a proximidade da partida entre Santos e Atlético-MG neste domingo, um assunto tomou destaque: a primeira partida de Robinho na Vila Belmiro como adversário.

Robinho irá retornar ao lugar no qual ele dizia ser a sua "casa", irá ser adversário do clube que tantas vezes jurou amor e que sempre lhe abria as portas quando não estava em um momento tão bom na carreira. Mas Robson preferiu jogar no Atlético-MG, para decepção de milhares de torcedores de uma geração de santistas que cresceu acreditando que ele era um verdadeiro exemplo de "amor a camisa" - Ah, como fomos tolos! -.

Isso gerou revolta e expectativa para o momento do retorno do craque ao estádio onde se consagrou. Mobilizações para jogar moedas, notas falsas com seu rosto circularam durante a semana e é aí que se encontra o perigo. Caso objetos sejam arremessados no gramado e até mesmo no próprio jogador, o Santos Futebol Clube corre risco de perder mando de campo em diversas partidas do segundo turno do Brasileirão, e acredito que não é isso que o torcedor santista queira.

Compreendo a raiva e a decepção que cada torcedor possui, afinal, eu também me decepcionei, mas JAMAIS tomaria atitudes que por fim possam prejudicar o meu clube.

Nenhum jogador é maior que a história do Santos Futebol Clube, e ouso dizer que nem mesmo Pelé, o Rei do futebol. Não prejudiquem o clube que você ama por causa de um atleta que não honrou suas palavras. Quer protestar? Proteste com consciência, xingue à vontade, mas não se esqueça de que o real motivo de você estar no estádio Urbano Caldeira no próximo domingo é para apoiar única e exclusivamente o SANTOS FUTEBOL CLUBE.

O Santos precisa de nós, precisa da força que o nosso Alçapão possui. O nosso adversário é forte, mas nenhum adversário é tão forte quanto nós mesmos.

Se você quer que o Santos chegue no topo, faça a sua parte, que sem dúvidas, dentro de campo os jogadores farão a deles também.

VAI PRA CIMA DELES, SANTOS!

RUMO AO ENEA

Carolina Ribeiro