Contra tudo e contra todos, Sport vai em busca de seu Quadragésimo Primeiro título Pernambucano

Neste Domingo, 8 de abril de 2016, a Ilha do Retiro será palco de mais uma decisão do campeonato Pernambucano. O Sport enfrenta o Santa cruz,no jogo de volta, em casa, jogando com sua 12º camisa: a torcida.

O que houve no primeiro jogo da final, deixou não só a torcida com mais combustível,como também os jogadores. A arbitragem Pernambucana literalmente roubou a cena e estragou o espetáculo que acontecia

no jogo de ida, no estádio do Arruda. O lance claramente impedido, deixou os tricolores na vantagem. Um empate leva o Santa a ser Campeão do Pernambucano. 

(Imagem: Google)

RECORDANDO

2016, O ano do centenário do clássico das multidões. Sport x Santa cruz há cem anos atrás fariam seu primeiro confronto. Dia 06 de maio de 1916, o leão estréio nesse clássico  com uma vitoria de 2x0 em cima do time coral. Os números deixam o Sport na frente, seja em vitórias, titulos e torcida. O leão da ilha tem exatas 228 vitorias, o Santa com 165 vitórias e 154 jogos terminaram empatados nesse duelo. O total de confrotos entre

esses dois time de Pernambuco, hoje, chega ao numero de 548. Sport X Santa, também é a final mais repetida de um Campeonato estadual.

 

O JOGO

O time rubro-negro precisa de um gol de diferença para levar a decisão para os pênaltis. O técnico, Oswaldo de Oliveira conseguiu fazer com que a equipe entrasse mais vibrante no primeiro jogo da final. Com muito treino, o Técnico Oswaldo, declarou que não irá se contentar com a mesma atuação do último jogo, confessa que o time jogou bem, mas quer mais. O sport deve entrar em campo jogando pra frente, atacando ao

máximo, porém, corre o risco do contra-ataque coral,que se abrir o placar, o leão deverá fazer três gols.

O time da Ilha do Retiro,além de um combustivél forte que apresenta ter para esta partida, também tem seu 12º  jogador, que hoje deverá mostrar sua força total, através de seu grito de guerra: o cazá cazá!

Nunca duvide do Sport!!!

 

Provável Sport
Danilo Fernandes; Samuel Xavier, Henriquez, Durval e Renê; Rithely, Luiz Antônio, Gabriel Xavier, Mark González e Lenis (Túlio de Melo); Vinícius Araújo. 

Técnico: Oswaldo de Oliveira

Provável Santa Cruz
Tiago Cardoso; Vítor, Danny Morais, Néris e Tiago Costa; Wellington Cezar, Uillian Correia, Lelê, Keno e Arthur; Grafite.

Técnico: Milton Mendes.

Estádio: Ilha do Retiro. Horário: 16h.

Árbitro: Sebastião Rufino Filho. Assistentes: Marcelino Castro e Marlon Rafael Gomes. 

Os ingressos para torcida do Sport foram todos esgotados. Esse jogo vai ser escrito na história do clássico das multidões.

 

Millena Dos Santos