COPA AMÉRICA, AÍ VAMOS NÓS!

BRASIL APLICA SONORO CHOCOLATE NA SELEÇÃO HONDURENHA, EM ÚLTIMO AMISTOSO ANTES DA COPA AMÉRICA

 

A Seleção Brasileira fez na tarde deste domingo (09). no estádio Beira Rio, em Porto Alegre, o último amistoso em preparação para a Copa América. O adversário da vez, a Seleção Hondurenha, não conseguiu segurar o bonde brasileiro e viu Gabriel Jesus (duas vezes), Thiago Silva, Philippe Coutinho, David Neres, Roberto Firmino e Richarlison passearem em campo. Uma goleada para animar e aguentar esperar até sexta-feira.

 

(Foto:Lucas Figueiredo/CBF)

 

A partida foi “fácil” para os donos da casa, sem desmerecer o adversário, mas o placar elástico, 7x0, já é um bom indício de que estávamos à vontade. Bom também foi ver como a equipe se comportou sem Neymar em campo, futebol é um esporte coletivo, em momento algum deveríamos “depender” de uma peça só. Podemos sim trazer este título, temos time para isto. Bora!

 

O jogo:

O primeiro gol saiu aos 5 minutos, Dani Alves cruzou para Gabriel Jesus cabecear para o fundo das redes, precisamos esperar um pouquinho para comemorar porque sempre tem um bendito VAR no caminho, que validou o gol. O Brasil não deu chance para a Seleção de Honduras, e como nada é tão ruim que não possa piorar a seleção visitante ainda teve um jogador expulso aos 28’ do primeiro tempo.

 

Antes disso, aos 12 minutos Thiago Silva fez o segundo gol da partida. Após Coutinho cobrar escanteio o zagueiro não desperdiçou. Com um a mais em campo,  ficou ainda mais fácil, a Seleção seguiu ditando ritmo, e aos 36’ foi a vez de Philippe Coutinho deixar o dele. Richarlison sofreu falta de Izaguirre, o árbitro marcou pênalti e o meia converteu. O menino estava inspirado e queria mais, tentou algumas vezes, mas a trave ajudou o goleiro López.

 

(Foto: Lucas Figueiredo/CBF)

 

Para o segundo tempo Eder Militão entrou no lugar de Marquinhos e Casemiro deu lugar a Fernandinho. Com maior posse de bola e a mesma facilidade da primeira etapa, Gabriel Jesus ampliou para os donos da casa no primeiro minuto. O atacante saiu logo após fazer o segundo gol dele na partida, para a entrada de Firmino. Com dez minutos de bola rolando, David Neres marcou o primeiro com a camisa da Seleção. Não percam as contas, nesse momento o placar já estava em 5 a 0.

 

Dez minutos depois de entrar em campo, o moço do sorriso mais branco que você já viu, fez mais um. Roberto Firmino ficou na cara do gol e não desperdiçou a chance de mandar para o fundo das redes. Metade do segundo tempo, em menos de vinte minutos e o Brasil já havia marcado três gols. Que passeio!

 

O técnico Tite fez mais uma mudança na equipe, saiu Coutinho para a entrada de Everton.

 

O placar está bom para você? Para o Richarlison não! Aos 24’ o gremista Everton deu um belo passe para o atacante fazer o sétimo gol da Seleção, fechando a conta. Dava tempo de fazer mais um, mas Everton e David Neres se embananaram dentro da área e perderam a oportunidade. Fim de papo. Sete gols e a ansiedade a mil para a estreia da amarelinha.  

 

Lembrando que o Brasil joga na sexta-feira (14) às 21h30 (de Brasília) no Morumbi contra a Bolívia. Agora é para valer!

 

por Andra Jarcem