Copa do Brasil: Cruzeiro vence com dois gols de Willian e um jogador a menos

Na quarta (06), o Cruzeiro foi à Salvador enfrentar o Vitória, dessa vez pela Copa do Brasil. No último fim de semana, as equipes se enfrentaram no Mineirão, pelo Campeonato Brasileiro, e o Vitória com um jogador a menos conseguiu o empate, dessa vez a história foi diferente.
 
A equipe celeste já foi desfalcada com jogadores que não podem atuar na Copa do Brasil, outros suspensos e no Departamento Médico. O técnico Paulo Bento teve que pensar muito para montar a equipe, e decidiu ir com Fábio; Lucas, Bruno Rodrigo, Bruno Viana e Allano; Cabral e Robinho; Bruno Ramires, Alex, Alisson e Willian.
 
O Cruzeiro saiu na frente aos 8 minutos com Willian e aos 15 minutos o Vitória empatou com gol de pênalti. O Cruzeiro teve que mexer com apenas 30 minutos de jogo, o garoto Alex sentiu dores e Arrascaeta que estava sendo poupado, teve que entrar em campo.
 
Foto: Anderson Stevens / Light Press / Cruzeiro
 
No segundo tempo Alisson não voltou, sentiu dores na coxa e deu lugar a Bruno Nazário. Allano que estava improvisado na lateral recebeu o segundo cartão amarelo e foi expulso. Dom um a menos, o Cruzeiro teve que correr atrás do resultado, e Fábio mais uma vez salvou o time dos erros da zaga. 
 
Mas era o dia do Cruzeiro, e aos 27 minutos em uma bela troca de passes entre Robinho e Arrascaeta, o uruguaio encontrou Willian na área e cruzou rasteiro para o camisa 9 marcar e fechar o placar.
 
Foto: Edson Ruiz / Light Press
 
O sistema defensivo ainda é vulnerável, o ataque funciona apesar de errar muitos gols. Alguns jogadores precisam descer para ajudar a defesa e isso dificulta uma saída mais rápida. Robinho voltou e já mostrou que faz diferença. Ainda faltam quatro reforços para estrear e pouco a pouco os jogadores estão voltando do departamento médico.
 
Por: Greicy Santos