COPA DO BRASIL: É UM GOLEIRO QUE VOCÊ QUER, @?

Botafogo faz partida equilibrada com Náutico-PE, mas goleiro alvinegro salva equipe nas cobranças de pênaltis.


Foto: Vitor Silva/BotafogoFR


O botafoguense não tem um só dia de jogo de paz! Na noite de ontem (19), em mais um duelo pela Copa do Brasil, o Glorioso SOFREU, mas passou pelo Náutico-PE. A partida, válida pela segunda fase da competição, contou com altas doses de nervosismo, colocando mais uma vez à prova o coração alvinegro. O jogo foi realizado no Estádio dos Aflitos, em Recife, às 21h30. 

No tempo normal, um empate amargo em 1 a 1, em que o alvinegro precisou buscar o placar. Nos pênaltis, a estrela gloriosa de Gatito brilhou e garantiu a vaga, com o resultado final de 4 a 3. Com a classificação, o Fogão avança para a terceira fase da Copa do Brasil e pode enfrentar o Paraná ou o Bahia de Feira. Os jogos devem ser realizados nos dias 11 e 18 de Março. 


Em sua estreia no comando do Botafogo, o técnico Paulo Autuori fez algumas modificações na equipe titular, já que tinha alguns desfalques para este jogo. O Fogão entrou em campo com Gatito, Barrandeguy (no lugar de Fernando, lesionado), Marcelo Benevenuto, Ruan Renato (no lugar de Carli, também lesionado) e Guilherme Santos, Thiaguinho, Alex Santana, Danilo Barcelos (improvisado) e Bruno Nazário, Luis Henrique e Cícero (Pedro Raul, se recuperando, entrou no intervalo).


SOBRE A PARTIDA 


O Glorioso começou a partida já levando um susto no começo do primeiro tempo. Gatito, logo de cara, fez uma defesa na área, na cabeçada de Matheus Carvalho. Aos 10 minutos, Bruno Nazário teve sua primeira tentativa, de fora da área, mas Jefferson fez a defesa. Pouco depois, aos 16 minutos, Cícero cruzou e Danilo Barcelos, já na pequena área, cabeceou para fora e perdeu uma grande oportunidade. Apesar do equilíbrio entre as equipes, o Glorioso saiu perdendo na etapa inicial. Aos 43, Paiva passou para Jean Carlos, que chutou rasteiro, sem chances para Gatito. 


No segundo tempo, o Fogão precisava buscar o empate, para levar a partida para os pênaltis. E, aos 23 minutos, Bruno Nazário também de cabeça aliviou um pouco o coração alvinegro, ao empatar o jogo em 1 a 1. O Timbu se abriu mais para tentar vencer o jogo em casa, mas Gatito fez excelentes defesas, garantindo o resultado. 


Nas cobranças de pênalti, o goleiro alvinegro foi o grande destaque, ao defender duas cobranças e comemorar a classificação com os torcedores alvinegros que compareceram ao estádio. 


PRÓXIMA PARTIDA


Devido à semana de Carnaval, o Glorioso volta a campo no dia 1º de Março, domingo, pela estreia na Taça Rio, às 19h, contra o Boa Vista. O jogo será no Estádio Nilton Santos e pode marcar a estreia do japonês Keisuke Honda com a camisa do Fogão. 


Por Raysa Rocha

*Esclarecemos que os textos trazidos nesta coluna não refletem, necessariamente, a opinião do Blog Mulheres em Campo.