Cruzeiro respira aliviado

O Cruzeiro recebeu o Coritiba, e tinha a difícil batalha de vencer e se afastar da zona de rebaixamento.  Os 23 mil cruzeirenses que foram até o Mineirão puderam ver um elenco determinado e buscando a vitória acima de qualquer coisa.

O inicio do jogo começou com o Cruzeiro pressionando o Coritiba, porém, sem levar perigo ao gol. A maior chance que a raposa teve foi após uma tabelinha entre Alisson e Willian. No minuto seguinte saiu uma pintura do jogador Ceará, que dominou a bola na intermediária e acertou o travessão antes da bola entrar.  Após o gol, o rendimento da raposa aumentou, levou perigo no ataque, porém, Paulo André chegou atrasado e acertou um soco no atacante Parede, o ato fez com que o arbitro expulsasse o zagueiro. Na segunda etapa, o time paranaense voltou pressionando e criando chances de gol, apesar da pressão o Cruzeiro conseguiu marcar seu segundo gol com William. No final do segundo tempo o Coritiba também teve um jogador expulso, o resultado deixou os torcedores celestes aliviados.

A vitória deixou o Cruzeiro cinco pontos acima da zona de rebaixamento, e o próximo desafio será domingo contra o Grêmio, no Mineirão as 16 hrs. 

 

Ana Pacheco