"Da água pro vinho": De virada, Santos goleia na Vila Belmiro.

Nem o torcedor mais otimista poderia imaginar que a equipe santista golearia a Ferroviária, ainda mais após um primeiro tempo completamente apagado do time alvinegro. Mas o Santos comprovou mais uma vez o porque é considerado o "time da virada".

Lucas Lima e Paulinho, destaques da equipe na partida.

Sem Ricardo Oliveira e Renato, a atuação do Santos na primeira etapa foi muito ruim. A equipe não aproveitava as oportunidades, errava bastante e dava muitos espaços para o time de Araraquara que chegou com perigo em diversos momentos do jogo, tanto é que saiu na frente do placar aos 32 minutos com Tiago Marques após falha da defesa alvinegra.

No fim do primeiro tempo, o time do Santos saiu de campo ao som de vaias mas logo seguido do famoso canto da torcida: "Santos, o time da virada! Santos, o time do amor!". Afinal, era isso o que a torcida santista esperava da segunda etapa.

Para o início do segundo tempo, Dorival Jr resolveu mexer, substituindo Alison para a entrada do meia Lucas Lima, que foi poupado na primeira etapa por conta de ter jogado pela Seleção na terça-feira. A partir daí, o jogo tomou um rumo completamente diferente.

Que o Lucas Lima é um jogador diferenciado isso não é nenhuma novidade, mas a entrada dele deu um gás na equipe santista, que voltou à campo muito mais produtiva, trazendo perigo e marcando mais a saída de bola da Ferroviária. Naquele ritmo, o gol de empate era apenas uma questão de tempo.

Aos 17 minutos, com assistência de Lucas Lima, Zeca abriu o placar para a equipe santista, sendo o primeiro gol dele com a camisa do Peixe.

(Foto: Santos FC/Divulgação)

Após o empate, o Santos continuou pressionando a Ferroviária em busca do gol da virada, que aconteceu aos 26 minutos com Paulinho, que na primeira etapa não estava conseguindo finalizar bem.

Aos 30 minutos, o atacante marcou o terceiro gol da equipe santista, se redimindo com a torcida santista que desde a sua chegada pega um pouco no pé do atacante.

E para fechar, nos acréscimos, aos 47 minutos, Gabriel sofreu pênalti e mesmo com os gritos da torcida pedindo para que Elano entrasse o atacante bateu e converteu. 4º gol da equipe santista e fim de jogo.

Com o resultado, o Santos se classifcou para a fase de mata-mata do Paulistão com duas rodadas de antecedência e recuperou a liderança do grupo A com 26 pontos.

O próximo compromisso da equipe santista será neste domingo contra o Capivariano na Arena Capivari, às 18h30.

VAI PRA CIMA DELES, SANTOS!

Carolina Ribeiro