Da derrota em Itaquera ao título no Paraguai: Domingo de emoções para o Tricolor!

O São Paulo foi até o estádio de Itaquera para enfrentar seu rival Corinthians, no primeiro clássico de 2016. O time escalado por Bauza foi o mesmo que vem sendo usado como titular durante o início da temporada. E mais uma vez o Tricolor caiu diante dos alvinegros.

A partida começou bastante tensa, com nervosismo excessivo nos dois lados do campo. Os donos da casa estavam se dando melhor, mas o Tricolor mantinha uma posse de bola aceitável. Porém, aos 24 minutos do primeiro tempo um erro, ou melhor, mais um erro do “brilhante” Lucão, colocou tudo a perder.

O zagueiro conseguiu errar duas vezes no mesmo lance. Na primeira, ele tentou afastar a bola e chutou em cima de Mena. Percebendo a saída de Denis e o seu próprio erro, Lucão tentou corrigir e deu de presente um passe perfeito para Lucca marcar o primeiro gol do jogo.


Imagem: Marco Ribolli

Ainda no primeiro tempo o São Paulo teve chances de empatar a partida, inclusive em uma falha de Yago, que deixou Calleri livre. Porém Cássio foi superior e ficou com a bola.

Já na segunda etapa de jogo o time do Morumbi entrou um pouco melhor, mas sem confiança alguma na defesa, o maior trabalho do goleiro Cássio foi  um chute cruzado de Michel Bastos, da ponta esquerda. O Corinthians ficou acuado e pouco saiu para o jogo, mas quando saiu foi superior novamente e Yago, aos 40 minutos, subiu de cabeça para disputar a bola com Lucão, ganhou e balançou as redes de Itaquera, fechando a conta em 2x0 para o time da casa, e a quarta vitória em quatro jogos com o São Paulo no novo estádio corinthiano.

Mais detalhes da partida:

Corinthians: Cássio; Fagner, Felipe, Yago e Guilherme Arana; Bruno Henrique; Maycon (Willians), Giovanni Augusto (Romero), Rodriguinho e Lucca; André (Danilo) Técnico: Tite

SÃO PAULO: Denis; Bruno (Caramelo), Rodrigo Caio, Lucão e Mena; Thiago Mendes (Kelvin) e Hudson; Centurión (Rogério), Paulo Henrique Ganso e Michel Bastos; Calleri Técnico: Edgardo Bauza

Local: Estádio de Itaquera, em São Paulo (SP)
Data: 14 de fevereiro de 2016 (domingo)
Horário: 17h (de Brasília)
Árbitro: Luiz Flávio de Oliveira (SP)
Assistentes: Rogério Pablos Zanardo e Alex Ang Ribeiro (ambos de SP) 
Público: 36.788 (36.378 pagantes)
Renda: R$ 2.050.496,50
Cartões amarelos: Guilherme Arana, Willians (Corinthians); Mena, Hudson (São Paulo)
Gols: Lucca (Corinthians), aos 23 o 1º tempo; Yago (Corinthians), aos 41 do 2º tempo

E mais uma vez os parabéns devem ser para a torcida são-paulina, que mesmo enfrentando diversas dificuldades para chegar a um estádio no extremo da zona leste, foi em ótimo número até lá, e apoiou a equipe durante toda a partida. Apoio este que talvez o time nem mereça,... Mal começamos o ano e já empatamos com o Red Bull e perdemos o primeiro clássico.

A classificação para a fase de grupos da Libertadores da América não ameniza em nada o péssimo começo de ano tricolor, afinal, não era nada além da obrigação do São Paulo esta classificação, e na verdade, o time ficou devendo uma boa goleada em um time pouco técnico como o César Vallejo.

Na quarta-feira (17) começa a fase de grupos da Libertadores, e primeiro adversário do São Paulo será o The Strongest (BOL) no Pacaembu, atual casa do Tricolor. A obrigação de vencer, sem dúvida, mais uma vez é do time paulista, e o torcedor tem certeza que isso vai acontecer? Não! O torcedor não tem certeza nenhuma disso... A única certeza que tem é que, caso queira ir até o estádio municipal para empurrar o time como fez contra o Vallejo, vai ter que desembolsar no mínimo R$70,00 de ingresso. Este é o valor para arquibancada verde, amarelo e laranja.

E a pergunta que fica no ar é: "Até quando teremos que suportar jogadores como Lucão vestindo a camisa mais vencedora deste país?" Não foi apenas este que se diz zagueiro que jogou mal, porém foi ele mais uma vez que falhou em um lance decisivo.

Mas o domingo não foi só de tristezas e irritações...

Horas depois da equipe principal perder por 2x0 para o Corinthians, em Assunção (PAR), a equipe Sub20 do São Paulo conquistou o título da Copa libertadores da categoria, e se tornou o primeiro time brasileiro a subir no pódio nessa competição. Os meninos do Tricolor enfrentaram o Liverpool (URU), em um jogo pegado com total clima de Libertadores!

Imagem: patosonline.com

Após bela arrancada pela lateral esquerda, Luis Araújo cruzou a bola para David Neres, que deu o passe para Lucas Fernandes, com categoria dominar a bola, fazer o giro e dar um belo chute de canhota, no alto, sem chance alguma para o goleiro, faltando pouco mais de 10 minutos para acabar a partida.

O título já foi conquistado pelo Universitário do Peru e pelo River Plate da Argentina, e agora foi a vez do Tricolor Paulista gravar o nome do Brasil na taça!

 

EXTRA CAMPO

Imagem: Érico Leonan / saopaulofc.net
 

O São Paulo anunciou na tarde dessa segunda-feira (15) a contração de um ZAGUEIRO!!! Maicon, de 27 anos, veio do Porto (POR) por empréstimo e tem contrato até 30 de julho. O Tricolor ainda deve tentar esticar o empréstimo até dezembro.

O atleta começou sua carreira no Cruzeiro. Porém atuou muito pouco no Brasil, e logo foi para Europa, seguindo como titular do time português.

A contratação de um zagueiro é uma ótima notícia, pois sem Breno (machucado) e Lugano (recuperando a forma física) Patón tem tido poucas opções na defesa, e tem usado Lucão e Rodrigo Caio. A chegada de um zagueiro experiente, com certeza, trará um resultado positivo para o Tricolor! 

 

Jéssica Nogueira Gonçalves