DEPOIS DE LONGOS 4 MESES, O TRICOLOR VOLTA PARA CASA!

(Foto: Torcedores.com)

A situação São Paulina não anda nada fácil, apesar de estar a 4 jogos sem perder o time só somou 6 pontos (3 empates e 1 vitoria) e as coisas estão ficando ainda mais complicadas com a reta final da fase classificatória do Paulistão e os importantíssimos jogos de volta da Libertadores. Neste sábado (02), às 18h30 (Horário de Brasília), o time entra em campo, mas não é em qualquer campo! O palco do jogo contra o Oeste é o Morumbi!

Foram longos 4 messes fora de casa, a última partida foi em 28 de novembro quando o Tricolor bateu o Figueirense por 3x2. No mês seguinte, o estádio foi fechado para reforma do gramado, a maior nos últimos 20 anos. 

O campo que media 108,25 metros de comprimento por 72,70 de largura agora mede 105 metros de comprimento por 68 de largura. O tipo de grama foi modificado, antes era usado o tipo Esmeralda, agora é Bermuda Celebration e a principal vantagem desta troca é que além de ser muito macia, a grama tipo Bermuda regenera-se rapidamente quando submetida a maus tratos, tonando-se ideal para campos de futebol. 

O sistema de drenagem também foi todo modernizado e o terreno nivelado a lazer. O Morumbi se rendeu ao padrão FIFA!

Claro que toda essa modernização somada ao excelente retrospecto do Soberano no estádio é uma nova esperança para o torcedor, que precisa acreditar que o time vai reencontrar o caminho das vitorias. 

A venda de ingressos que foi aberta na terça-feira (29) para sócios torcedores e no dia seguinte para torcedores comuns seguem até às 19h15 do dia da partida no estádio, os outros pontos de venda não abrirão no sábado (02). 

E ao que parece os tricolores estão animados para voltar ao seu templo sagrado, os números de ingressos vendidos não foram divulgados, mas com base na ilustração a baixo divulgada no site do total acesso (canal oficial de venda dos jogos do spfc na internet) percebesse que alguns setores já estão esgotados e outros com boa parte vendida.

(Foto: TotalAcesso.com)

Nesta sexta (01), o time já fez o primeiro trabalho do ano no estádio, Patón que será um dos que fará sua estreia no Cicero Pompeu de Toledo, comandou os trabalhos. De início os atletas fizeram um aquecimento com os preparadores físicos, seguido por um tático que começou somente com os prováveis titulares do duelo contra o Oeste, depois os reservas se juntaram e finalizaram o coletivo, os jogadores também treinaram bolas paradas.

(Foto: Rubens Chiri)

A provável escalação será praticamente idêntica à usada na quarta-feira (30), contra o Linense (1x1), somente Carlinhos dará lugar a Mena, pois o lateral-esquerdo sofreu um estiramento na coxa na última partida e deve desfalcar o time por pelo menos 1 mês. 

Desta forma, o time foi montado com Denis; Bruno, Maicon, Rodrigo Caio e Mena; Hudson, Thiago Mendes e Paulo Henrique Ganso; Michel Bastos, Daniel e Calleri.

Lugano que sente dores na região lombar não compareceu ao treino e provavelmente não ficará nem no banco de reservas. Breno, Carlinhos, Centurión e Renan Ribeiro também estão no departamento medico.

 Já Wesley e Wilder recuperados; Mena e Lyaco que retornaram após jogos com suas seleções (Chile e Servia respectivamente) marcaram presença no treinamento e estarão à disposição de Patón. 

O time tem 19 pontos dois atrás do Audax líder do grupo C e precisa vencer para assumir a ponta. 

O adversário do Tricolor tem 12 pontos é o ultimo colocado do grupo A da competição e o 17º na tabela unificada, o time de Itápolis tem grandes chances de ser rebaixado na competição, o diretor de futebol da equipe Mauro Guerra disse que sabe da dificuldade que o time encontrará na partida, mas segue acreditando. 

"Temos uma pedreira pela frente. O time do São Paulo é muito forte e as dificuldades são enormes. Deixamos de conquistar pontos importantes em casa e agora ficou complicado. Mas, temos sempre que acreditar. Vamos fazer o possível para sair com uma vitória"

A provável escalação do oeste é a seguinte: Leandro Santos; Amaral, Brinner, Matheus Salustiano e Fernandinho; Leandro Mello (Diniz), Elivelton e Marcelinho Paraíba; Mazinho, Cristiano e Maurinho. Comandados por Renan Freitas.

A Arbitragem da partida válida pela 14ª rodada da fase de grupos fica por conta de Raphael Claus e os assistentes são Alex Ang Ribeiro e Osvaldo Apipe de Medeiros Filho.

#JuntosSomosMaisFortes

Jéssica Nogueira Gonçalves