Depois de perder nos pênaltis, o Verdinho dá adeus à Copinha e ao sonho do primeiro título.

(globoesporte.com)

O Palmeiras seguia confiante na Copa São Paulo de Futebol Júnior. Confiança que aumentou, na quita-feira (14/01), após vencer o Sampaio Corrêa por 2x0, num jogo ofensivo e bem disputado, o time avançou para as quartas de finais.

O primeiro gol, foi assinado por Daniel, aos 8 minutos do segundo tempo e o segundo, saiu no finalzinho do jogo, quando Felipe aproveitou a saída errada do goleiro adversário e estourou a rede.

O confronto ainda teve momentos de tirar o fôlego, protagonizadas pelo goleiro Daniel, que fez duas defesas impressionantes, ajudando a selar a bela vitória do time.

Mas para tristeza da torcida alviverde, que marcou presença em todos os jogos, o Verdinho deixou a competição hoje, após ser derrotado pelo América de Minas, num jogo que foi decidido nos pênaltis.

O adversário abriu o placar, aos 7 minutos do primeiro tempo, numa desatenção da defesa. A reação do time foi ruim, o que se via em campo era um jogo afobado, com erros de passe e pouca finalização, demonstrando claramente, não estar conseguindo lidar com a pressão do gol sofrido.

Mas no segundo tempo, o time voltou bem melhor e mostrou garra ofensiva para ir em busca do empate. Este saiu rápido, para alívio da torcida; Aos 12 minutos, Kauê faz jogada individual, limpa o lance e chuta firmemente, sem chance para o goleiro. Um belíssimo gol de empate.

O jogo continuou bem disputado e com chances para os dois lados, mas a vitória não saiu. Com esse resultado, a partida seria decidida nas penalidades máximas.

Com cobranças bem aproveitadas de ambos os lados, o jogo marcou um equilíbrio muito grande entre as duas equipes, que seguiram empatadas até a última batida.

O América converteu o seu quinto gol, e esperava o Palmeiras, que se fizesse, empatava tudo novamente, sendo necessário a sequência de cobranças adicionais, para que enfim se conhecesse o semi-finalista.

Infelizmente o zagueiro Augusto, mandou, não só a bola para fora, como também, o sonho do time de avançar e brigar pelo seu primeiro título na competição.

Apesar da frustração que toda derrota traz, os meninos do Palmeiras se despedem da Copinha, com a marca de uma boa campanha e de um futebol mais consistente, que o apresentado nos jogos da primeira fase.

Portanto... Cabeça erguida molecada! E pés bem firmes no chão! Para continuar o trabalho técnico, que tem crescido a cada temporada.

Parabéns Verdinho!