Deu empate no Clássico Baiano

 

unnamed.jpg

Foto: Site Esporte Clube Bahia

 

Na primeira partida da final do Campeonato Baiano, o Tricolor de Aço saiu na frente. Depois de uma falta bem cobrada por Régis, Tiago finalizou com a bolinha na rede. O Bahia dominou a maior parte do jogo, os primeiros 45 minutos foram bem proveitosos, com belos lances, contra-ataques, mas faltando o principal: o esperado gol! No segundo tempo, o tricolor voltou abaixo da expectativa comparando-se com o primeiro, demonstrando algumas falhas, deixando seu rival chegar mais ao ataque. Como diz o ditado: quem não faz, leva! E foi isso que aconteceu, após uma bela defesa do goleiro tricolor Jean, Patric lateral do Vitória, chutou, a bola bateu em Armero, lateral tricolor e voltou para o gol. Com o empate o rubro-negro baiano abre vantagem sobre o Tricolor de Aço, e joga pelo empate no domingo (7).

 

Mesmo com a desvantagem, o Tricolor Baiano não deixou de acreditar no triunfo fora de casa, o otimismo e a busca do título não diminuíram no CT Tricolor. Após o empate, o elenco tricolor se reapresentou na tarde desta quinta-feira (4), para dar início à preparação para o jogo decisivo no domingo (7), às 16h, no Barradão. O treinador Guto e os jogadores estão bastante confiantes para próxima partida.  Infelizmente não terão o apoio da sua torcida, pois foi decretado pelo Ministério Público da Bahia, torcida única em clássicos, mas sabem que milhares de tricolores estarão com energias positivas para esta partida.

 

DEPARTAMENTO MÉDICO

 

Após uma queda na partida, o meia Zé Rafael machucou o cotovelo, mostrando-se com dor durante a partida. No segundo tempo retornou com uma faixa, mas não desistiu do jogo. Nesta tarde, realizou um tratamento no cotovelo, sem preocupações. Já o volante Renê Junior e o meia Régis aguardam resultados e são dúvidas para o clássico.

 

Até mais ... Bora Bahêêêêa !!!

 

Thamires Barbosa