Dia de decisão

 

Fonte da foto: Globo esporte

 

Flamengo entra em campo nesta quarta, às 21h50 (Brasília), contra o San Lorenzo pela última rodada da primeira fase da copa libertadores.

 

Apesar de ser o primeiro do grupo, com 9 pontos e precisar apenas de um empate para se classificar para a próxima fase, a situação do flamengo não é tão tranquila. Caso perca e o atlético Paranaense ganhe o seu jogo, o rubro negro carioca está fora da próxima fase e pode da adeus ao sonho do título das Américas.

 

O jogo se torna ainda mais dramático, pelo fato do time carioca ainda não ter ganhado nenhum jogo fora de casa e ainda não poder contar com o seu principal jogador, o meia Diego, que se recupera de uma entorse no joelho. Além do meia, o técnico Zé Ricardo não conta com o lateral Pará que levou o terceiro cartão amarelo na última partida e está suspenso, o zagueiro Donatti e o meia Conca, que se recuperam de lesão. Apesar dessas baixas, Zé vai poder contar com outros jogadores que estão de volta ao time, o volante Rômulo, o meia mancuello e os atacantes Gabriel e Berrio.

 

Apesar de jogar em casa e o quadro do time argentino ser bem diferente da primeira rodada da disputa, quando foi goleado pelo flamengo, o San Lorenzo também tem alguns desfalques, o volante Ortigoza foi poupado no clássico diante do Huracán, no último sábado, mas ainda apresenta problemas musculares e o meio-campo Bautista Merlini, pelo mesmo motivo.

 

Sem Diego em campo, que ainda se recupera,vai caber ao Guerrero mais uma vez liderar a equipe. O time do flamengo deve vir assim: Muralha; Rodinei, Rever, Vaz e Trauco; Berrio (Gabriel), Arão, Márcio Araújo, Matheus Sávio (Mancuello) e Everton. No ataque Guerrero.


É dia de libertadores, dia de classificação, dia de testar o coração, apoiar o flamengo até o apito final, porque: "Não importa aonde jogue, eu vou te apoiar..."

 

Rayane Almeida