E aí, a culpa é de quem?

 

 

Desperdício de gols, derrota e perda da liderança do grupo!

 

Foto: @bocajrsoficial


 

Noite de terça-feira, calor, futebol, libertadores! Era o Boca em campo. Terceira partida da primeira fase da Liberta 2019. El Xeneize veio visitar o Athletico Paranaense na Arena da Baixada e.... BRONCA é a palavra que define nossa noite.

 

Ao jogar pela Superliga Argentina, vemos uma equipe "evoluindo", esmagando os adversários,aplicando goleadas. Chega na Liberta, depois de um empate na primeira rodada e uma vitória linda na segunda, uma derrota vexatória nos assolou.

 

Time desperdiçou chances cruciais de gol, tentou, pressionou, fez um primeiro tempo parelho contra os donos da casa, mas a segunda etapa foi deles, que exploraram a velocidade, armaram seus contra-ataques, Marco Rony e companhia limitada infernizando a nossa vida.

 

Nós experimentamos  daquela máxima QUEM NÃO FAZ TOMA. O jogo foi Marco Ruben 3x0 Boca. Pois é, o argentino que veste a camisa Paranaense acabou com o jogo, não desperdiçou as chances que teve, balançou as nossas redes e fez a festa da torcida que lotou as tribunas na Arena.

 

O que disse Alfaro depois da nossa derrota:

 

-É uma derrota dolorosa por causa do resultado, mas é uma partida de detalhes, e tivemos as chances quando estava em 0x0 ou no 1x0 para ir sair ganhando ou até empatando. Esses detalhes, como o primeiro ou segundo gol perdidos, condicionam o andamento da partida.


 

Para ser bem sincera, eu estou com muita raiva do time ter perdido dessa forma! Parecia que a equipe estava engrenando, fazendo bons jogos, dominando as partidas, mas aí, veio esse balde de água fria nesse momento de fase Boa.

 

Eram já sete jogos sem perder, nesse meio tinham também algumas goleadas que aplicamos, mas foi o dia da gente levar um chocolate. Estamos na bronca por isso. Agora voltamos a realidade das coisas.

 

O time tem várias deficiências que precisam ser melhoradas o mais rápido possível. Mais uma vez é sentar, analisar onde acertamos e onde erramos, e cuidar para isso não acontecer mais. É hora de quê? Juntar os cacos, arrumar a casa e se preparar porque logo já tem outra partida.

 

Com a derrota vexatória, o Boca cai para a segunda colocação do grupo mantendo os 4 pontos e vê o Athletico assumir a liderança com 6 pontos.

 

Que daqui para a frente as coisas melhorem rápido, pois outra vergonha dessa eu não quero não!


 

Foto: @bocajrsoficial



Por Adriene Domingos, xeneize fanática!