E aí juizão?

 

 

 

https://www.tribunapr.com.br/wp-content/uploads/sites/1/2017/07/diego-souza-marcou-de-penalti-o-gol-do-sport-sobre-o-atletico-825x550.jpg?a86372

Foto: Fabiano Mesquita

 

 

Em jogo polêmico, o Atlético Paranaense entrou em campo neste domingo (02) enfrentando o Sport na Ilha do Retiro, em Recife. Foi um jogo fraco, que estava mais para um empate, até que o abençoado juiz decidiu ‘ver coisa onde não tem’.

A polêmica começou quando o Sport entrou em campo com a camisa vermelha e o Atlético com a camisa laranja. Ficou horrível para diferenciar os times e para decifrar quem era quem.

O Furacão até que não estava mal no começo de jogo, mas o Sport pressionava por ser o dono da casa. O Atlético não sentiu a pressão e não se retrancou, foi pra cima até mais vezes que o próprio Sport.

Mesmo indo pra cima, o Furacão não teve um chute a gol no primeiro tempo. Aos poucos, o Sport foi se encontrando em campo, sendo mais ofensivo e tendo oportunidades boas de gol. Aos 39, Weverton salvou a bola que Osvaldo tentou de cabeça.

O primeiro tempo acabou assim, sem nenhuma chance clara de gol para nenhum dos lados. O segundo tempo começou com o óbvio: o Sport indo pra cima, mas sem ser muito ofensivo. Por outro lado, o Atlético ficou na parte defensiva, errando muitos passes e não conseguiu criar boas jogadas.

Aos 27, Diego Souza tentou de cabeça mas a bola bateu na trave e no minuto seguinte, a parte mais polêmica do jogo: Rogério jogou na área, Wanderson tirou de cabeça de mal jeito, fazendo com que a bola batesse em sua coxa. O querido juiz, por sua vez, pensou que havia sido mão e marcou pênalti para o Sport. Diego Souza cobrou e jogou no lado esquerdo abrindo o placar.

Depois do gol, o Atlético até tentou o empate, foi pra cima, mas o jogo acabou desta forma, com uma falha enorme do juiz.

 

 

https://www.tribunapr.com.br/wp-content/uploads/sites/1/2017/07/atletico-so-se-defendeu-contra-o-sport-825x548.jpg?a86372

Foto: Ricardo Fernandes

 

 

O Furacão perdeu o jogo, manteve os 14 pontos e caiu para a 14ª colocação.

 

 

FICHA TÉCNICA

BRASILEIRÃO
1º TURNO – 11ª RODADA

SPORT 1X0 ATLÉTICO PARANAENSE

 

SPORT: Magrão; Samuel Xavier, Ronaldo Alves, Durval e Sander; Patrick, Rithely e Diego Souza; Everton Felipe (Rogério, 14 do 2º), Osvaldo (Lenis, 38 do 2º) e André (Rodrigo, 32 do 2º).
Técnico: Vanderlei Luxemburgo

 

ATLÉTICO: Weverton; Gustavo Cascardo, Wanderson, Paulo André e Nícolas; Deivid, Matheus Rossetto (Bruno Guimarães, 18 do 2º), Lucho González (Carlos Alberto, 32 do 2º), Matheus Anjos (Yago, intervalo) e Douglas Coutinho; Grafite.
Técnico: Eduardo Baptista

 

Local: Ilha do Retiro (Recife-PE)


Árbitro: Grazianni Maciel Rocha (RJ)


Assistentes: João Luiz Coelho de Albuquerque (RJ) e Wendel de Paiva Gouveia (RJ)


Gols: Diego Souza, 30 do 2º


Cartões amarelos: Diego Souza (SPO); Matheus Rossetto, Bruno Guimarães, Wanderson (CAP)


Público total: 11.031

 

 

Izabela Risden