ELES ESTÃO DEIXANDO A GENTE SONHAR...

Vasco vence o Inter e conquista a terceira vitória seguida no campeonato.


 

Foto (Capa): Jeferson GUAREZE/AGIF/ESTADÃO


 

Neste campeonato brasileiro não existe jogo fácil, e o Vasco continuou a sua série de adversários considerados direitos e partiu para Porto Alegre onde enfrentou o Internacional, uma equipe que ainda não havia perdido no seu estádio, o Beira-rio, e que o cruzmaltino não vencia no Sul há 12 anos.

Para a surpresa da maioria, o técnico Vanderlei Luxemburgo repetiu a equipe que venceu o clássico na última quarta-feira (16), com Felipe Ferreira, Bruno Gomes, Rossi, Marrony e Ribamar formando a parte ofensiva do time. No primeiro tempo a equipe do Vasco acabou dando muita liberdade para os donos da casa, principalmente para D'Alessandro que organizava as principais jogadas, e para a nossa sorte os atacantes deles não conseguiam concluir. 

A primeira grande chance do Vasco só foi aparecer quase na metade do jogo quando Felipe soltou uma bomba de fora da área e o goleiro acabou fazendo uma grande defesa, e na volta da jogada o jogador colorado quase marcou contra. O time do cruzmaltino tinha uma avenida pelo lado esquerdo, o que não é nenhuma surpresa e era por ali que D' Alessandro passeava tranquilamente e foi por ali também que o meia marcou um golaço no lance polêmico da partida. Em dúvida, o árbitro da partida foi analisar a jogada anterior com a ajuda do VAR, e confirmou a falta de Cuesta em Henrique que ficou caído no restante da jogada e acabou anulando o gol colorado. 

O dia não era nada bom para Ribamar que voltou ao normal e perdeu grandes chances de gol para o Vasco abrir o placar, a maior delas no último minuto do primeiro tempo, após receber um passe sensacional de Marrony o atacante livre de marcação e só com o goleiro pela frente,  acabou mandando para fora.

 

Foto: Carlos Gregório Jr/Vasco 

 

Antes de começar o segundo tempo, Luxemburgo muito sábio, fez uma mudança que mudou o time da água para o vinho. Tirou o atacante Ribamar que não estava bem jogo e colocou o volante Guarín que é muito diferenciado mesmo não estando na sua melhor forma física. A substituição acabou organizando melhor o meio-campo e Marrony e Rossi passaram a ter mais liberdade no ataque. Não demorou muito e aos 7 minutos o gigante da colina estava abrindo o placar. Após cruzamento certo de Henrique (milagre), a bola desviou em Marrony e sobrou para Rossi que mandou uma bomba que bateu na trave e voltou para Marrony, que tentou duas vezes até a bola finalmente entrar no gol.

Infelizmente o time do Vasco acabou recuando muito após a entrada de Marcos Júnior, que não fez uma boa partida no tempo que esteve em campo com a saída de Felipe Ferreira. O Inter encontrava muitos espaços, mas foi aí que apareceu o herói da partida, o goleiro Fernando Miguel que não vinha em uma boa fase, mas neste domingo segurou a pressão colorada fazendo grandes defesas e ajudando a garantir mais 3 pontos importantes para o Vascão no campeonato, que agora soma 37 pontos, se afastando da zona da confusão e agora segue olhando para cima. 

O próximo adversário será o Ceará, mas só no próximo sábado (26), fora de casa.

 

Foto: Carlos Gregório Jr/Vasco 

 

Muito feliz após mais uma vitória da equipe, o técnico Vanderlei Luxemburgo em entrevista coletiva falou sobre a partida e os próximos objetivos que tem para o Vasco:


 

"Nossa conquista no campeonato é manter o Vasco na primeira divisão. Mas quem trabalha em alto nível, quem gosta de ganhar, e jogador de futebol tem que estar acostumado a ganhar, isso ta no DNA de cada um. Eu tenho agora que olhar para cima, a gente tava muito em baixo, agora estamos mais em cima e ainda faltam 33 pontos para serem disputados neste campeonato, então eu tenho que mostrar para os meus jogadores que temos que continuar buscando os pontos fora de casa, confirmando os pontos dentro de casa e vencendo os adversários diretos, como foi hoje. O Internacional é um adversário direto, nós travamos o inter, eles não cresceram, então nós avançamos, podemos e devemos brigar por alguma coisa, falo isso direto para os jogadores, não saímos ainda da confusão, mas estamos próximos e eu quero buscar algo maior, isso ta no meu DNA."



 

Texto:Jessica Martins