EM BUSCA DA PRIMEIRA VITÓRIA

 

C:\Users\Carla\Downloads\46978785144_88fe7bae84_o.jpg

Foto de Lucas Merçon


 

Pela terceira rodada do campeonato, Fluminense enfrenta o Grêmio, neste domingo (05), às 19h, na Arena do rival

 

Depois da partida contra o Santos a delegação partiu direto para Porto Alegre onde fez seu último treino antes do jogo no CT do Internacional, na manhã deste sábado (04).

Sem ter pontuado nas rodadas anteriores e amargar duas derrotas, o Fluminense encara o time gaúcho com certa pressão da torcida, que anseia por vitórias e não está satisfeita com as escalações de Fernando Diniz. A opção do treinador em montar o time com três volantes deixa o tricolor apreensivo.

O técnico disse que foi a opção escolhida para suprir a ausência de Ganso, em recuperação de lesão, foi a de escalar o meio com Airton, Bruno Silva e Allan. Para essa partida, Diniz contará com os novos contratados Guilherme e Kelvin, com seus nomes publicados no BID da CBF, que podem fazer suas estreias, além das opções Daniel e Leo Artur.

Diniz confirmou que Pedro poderá começar o jogo como titular e permanecer em campo o tempo em que aguentar. Boa notícia.

 

C:\Users\Carla\Downloads\40801877503_d2b1b5f9b6_o.jpg

Um momento do último treino no CT do Internacional

Foto de Lucas Merçon

 

Como o elenco comandado por Renato Gaúcho tem um jogo decisivo pela última rodada da fase de grupos da Copa Libertadores, no meio da próxima semana, contra o Universidad Católica, existem grandes possibilidades de o técnico escalar um time misto para poupar seus principais titulares. Questionado em coletiva se isso facilitaria as coisas para o Fluminense, Fernando Diniz foi enfático.

“Qualquer time que o Grêmio colocar em campo pode ser considerado forte, pois é um elenco muito bem montado e com peças de reposição. Até mesmo o time reserva não dá para dizer que é reserva”, disse.

 

Carla Andrade