EM ESTADO DE CHOQUE

 

 

No texto anterior expliquei a história no PSTC, lá ficou claro o favoritismo que o Operário teria, e ao meu ver era a grande chance de aumentar seu saldo de gols, mas as coisas nem sempre são assim. Pela 6° rodada do Campeonato Paranaense, o Operário recebeu o PSTC no Germano Kruger e conquistou mais uma tradicional vitória em casa por 2x1, para alegria dos 4 mil torcedores, mas a torcida esperava bem mais.

 

 

O JOGO

Na escalação inicial tivemos a surpresa da estreia de Pablo, ex-São Bento na lateral direita do campo. Junto ao novo lateral tivemos: André Luis, Rafael Bomfim, Douglas Nascimento, Jardel(capitão), Danilo, Douglas Coutinho, Fábio, Jeffinho, Thomas Bastos e nosso pequeno grande homem, Hector Bustamante.

No primeiro tempo mesmo sem lances decisivos, deu para notar a superioridade do Operário, que pelo menos manteve o controle da bola. Nosso goleiro, André Luis, nos deu um pequeno susto antes da metade do primeiro tempo. O jogador trombou com um adversário e ficou aproximadamente 3 minutos em atendimento médico até se sentir confortável para voltar.

Ainda na primeira metade uma falta a favor do Operário que foi bem cobrada por Thomas Bastos levou perigo, mas não teve resultado passando por cima da trave.

O primeiro gol da partida veio somente aos 17 minutos do segundo tempo, quando o juiz mandou seguir um lance que deveria ser assinalado falta e o nosso centroavante Jeffinho mandou para dentro do gol. O próprio Jeffinho foi o responsável por aumentar o placar aos 25 minutos após uma tentativa falha de Bustamante sobrar para o camisa 9, que finalizou nas redes.

O PSTC não deixou barato e conseguiu marcar seu gol com Aldair aos 37 minutos.

 

O QUE ACONTECEU?

 

O PSTC é o último colocado do campeonato e mesmo assim o Operário demorou a conseguir marcar seu gol.  As falhas, ao meu ver, vieram do meio de campo quando Jeffinho não conseguia chegar à frente pois se preocupava com o meio. Perdemos nossa chance de aumentar o saldo, porém os 3 pontos estão na conta. 

O campeonato podia ir para próxima fase hoje, para vermos nossos amigos Tubarões.

 

PRÓXIMA RODADA

 

O próximo jogo do Operário será em Curitiba para vermos o Paraná (que saudades da minha amiga colunista Thays). Os times se enfrentarão pela 7° rodada no sábado (16). Podíamos repetir o placar do paranaense passado não é mesmo? 


 

Não são 90 minutos! É uma vida inteira!

 

Por Maria Luiza Rios

fotos Ze Tramontin

 

*Esclarecemos que os textos trazidos nesta coluna, não refletem, necessariamente, a opinião do Blog Mulheres em Campo.