Empate com gosto de frustração

Neste sábado (02), o Inter enfrentou o Sport no Beira-Rio, em Porto Alegre, pela nona rodada do Brasileirão e terminou com o empate. Em um jogo muito equilibrado, nenhum dos times conseguiu ser efetivo no ataque e ficaram no 0x0.

O Colorado entrou em campo com Danilo Fernandes, Victor Cuesta, Rodrigo Moledo, Zeca, Iago, Edenilson, Rodrigo Dourado (Juan Alano), Lucca (Nico Lopez), Patrick, William Pottker (Rossi) e Leandro Damião. Iago e Damião retornaram ao time, após um jogo fora pelo terceiro cartão amarelo.

 

(Foto: Ricardo Duarte)

 

Os dois times estavam colados na tabela do campeonato, o Inter na quinta colocação e o Sport na sexta. Uma vitória abriria vantagem, mesmo que pequena, na classificação e deixaria o time vermelho mais relaxado, mesmo tendo vencido fora de casa na última partida.

Nos primeiros minutos de jogo, o Colorado pressionou o adversário, mas logo o jogo ficou parelho. Houveram algumas chances para cada lado, mas faltou qualidade para conseguirem chegar ao gol.

Nem com a entrada do "cafezito" ou com todas as preces para Nossa Senhora do Gol Chorado, a vitória não veio e o jogo terminou com sem nenhuma modificação no placar. Mesmo estando há 5 partidas sem perder (3 vitórias e 2 empates), o empate de hoje teve um gostinho amargo.

Se na última rodada ganhamos 3 pontos preciosos fora de casa, nessa perdemos 2 pontos importantes. Vencer em casa é essencial para continuar com uma boa campanha e almejar mais do que se manter na série A.

O time não teve uma atuação ruim, mas com a performance de alguns jogadores num nível abaixo do esperado, perdemos a qualidade nas finalizações. Mesmo com as substituições feitas por Odair, o grupo não conseguiu render o que estava rendendo nas últimas partidas.

O destaque do jogo foi Victor Cuesta, zagueiro. É sempre bom quando a zaga vem jogando bem, ainda mais se tratando de Inter. Mas ter o zagueiro como melhor jogador da partida é preocupante e mostra que o ataque não conseguiu fazer seu trabalho.

A próxima partida é contra o São Paulo no Morumbi, na terça-feira (06) às 21h30. Um jogo difícil, fora de casa e com um time que vem bem no campeonato. Precisamos entrar sem medo para conseguir a vitória e continuar tranquilos no campeonato.

 

Por Giulia Giongo