FALTAM 90 MINUTOS PARA O ACESSO!

 

Juventude empatou com o Imperatriz, fora de casa, e decide quartas de final no Alfredo Jaconi

(Foto: Arthur Dallegrave / E.C. Juventude)

 

Nesta segunda-feira (02), o Juventude começou a decidir seu destino na Série C. Pelas quartas de final da competição, a equipe enfrentou o Imperatriz no estádio Frei Epifânio. E, com uma atuação mediana, o alviverde volta para Caxias do Sul com o empate em 0x0. Sendo assim, a decisão fica para a próxima segunda (09), no Alfredo Jaconi.

Na escalação, Marquinhos Santos surpreendeu promovendo Moisés ao time titular. Não deu certo!

No primeiro tempo, o Ju até tinha uma chance ou outra, mas nada que empolgasse o torcedor. O tempo não passava e a torcida era para que a primeira etapa findasse e Marquinhos Santos arrumasse o time no intervalo. 

Parece incrível, mas na etapa complementar, no mesmo momento que os cânticos começaram a ser entoados na sede da Mancha Verde, onde concentravam-se muitos alviverdes, o Ju até levava algum perigo à meta adversária. Porém, sem sucesso! 

O adversário até marcou. Impedido. Para o alívio dos jaconeros, o placar não foi alterado.

Em casa, o Imperatriz mostrou que é superior. Agora, é a vez do Juventude fazer o mesmo. A grande decisão  ficou para o Alfredo Jaconi, às 20h da próxima segunda. Uma vitória garante o acesso ao alviverde e empates levam a decisão aos pênaltis. A derrota não consta no dicionário!

 

Péssima noite do 9 

Depois de encerrada a partida, ouvi um comentário excelente de um torcedor: "Carlos Henrique, em noite de Braian Rodríguez, não fez nada". Nenhuma definição é melhor que essa. O Ju, quando chegava, era com Carlão, Dalberto ou Cajá. Sem efetividade. 

Mesmo assim, continuo achando que Carlos Henrique é melhor que Braian, não que precise muito para isso. Entretanto, o rei Zulu deve chorar toda vez que assiste essa dupla atuando. O centroavante do acesso para a Série C, em 2013, certamente, faria mais gols que os atuais responsáveis pela posição. 

 

Promoção para ter casa cheia!

Para colocar pressão no adversário, há promoção de ingressos para o jogo. Cada sócio pode retirar cinco pelo valor de R$ 10. Também há venda de ingressos para o público em geral por R$ 10 (inteira) e R$ 5 (meia-entrada). 

 

 

Por: Carol Freitas