Fiasco na estreia e adeus a Copa do Brasil

juv.png

(Foto: Adaptada de Juventude Oficial)

 

O Juventude viajou até Alagoas para a disputa do seu primeiro (e último) jogo pela Copa do Brasil 2017 contra o Murici, no Estádio José Gomes da Costa, a partida teve início ás 17h (Horário de Brasília) e terminou com vitória do time de Alagoas por 3 x 1, que avançou para a segunda fase.

 

Após a CBF decidir que seria uma boa ideia mudar as regras da Copa do Brasil, tivemos o jogo entre Juventude x Murici estreando na competição, com o novo regulamento o time que se encontra mais abaixo no ranking da CBF é o mandante do único jogo que decide qual dos times avança para a segunda fase.

 

Em 2016 o Juventude terminou esta mesma competição entre os 8 melhores clubes do Brasil, e agora mal sentimos o gostinho da grandiosa Copa do Brasil e já estamos de fora. O gramado adversário estava em péssimo estado, o que de certa forma não justifica a atuação alviverde nesta quarta-feira (8).

O primeiro gol adversário saiu logo aos 15 minutos do primeiro tempo, quando Alexandre recebeu a bola, invadiu a área e foi derrubado por Anderson Marques, na cobrança do pênalti Tarcísio fez o primeiro a favor do Murici. Após 2 minutos veio à esperança para o Ju, em cobrança de falta de Pará, Tadeu cabeceou empatando o jogo.

 

Aos 39 minutos a situação que até então estava favorecendo o Juventude piorou, após bate-rebate dentro da área Deizinho marcou o segundo gol para o time de Alagoas. Ainda havia uma chance, uma pequena esperança de buscar o empate. Esperança que desapareceu logo no início do segundo tempo, mais precisamente aos 5 minutos, quando o quarto e último gol da partida foi marcado, terceiro a favor do Murici.

 

O Juventude foi irreconhecível em campo, nem mesmo a situação em que se encontrava o gramado do Murici poderia ter justificado tamanha vergonha nesta estreia. O time que no ano passado calou a boca de gigantes com uma ótima campanha agora virou motivo de piada. Esse amadorismo não pode de forma alguma continuar, a não ser que nossa meta para este ano seja jogar fora tamanho esforço que foi feito para chegar a Série B.

 

FICHA TÉCNICA

 

Árbitro: Renan Roberto de Souza

Auxiliares: Kildenn Tadeu Morais de Lucena e José Maria de Lucena Netto

José Reinaldo Figueiredo ficará como quarto árbitro.
 

Cartões Amarelos

Juventude-RS: Ruan, Anderson Marques

Gols

Murici-AL: Tarcísio 16' 1T, Desinho 38' 1T, Tarcísio 3' 2T

Juventude-RS: Tadeu 18' 1T

 

MURICI: Dias; Paulo Sérgio, Claudio, Edson Veneno e Thalisson; Edvaldo Rambo, Guêba e Paulo Victor (João Paulo); Deisinho, Júnior Murici e Alexandre. Técnico: Roberval Davino.

 

JUVENTUDE: Douglas; Bruno Ribeiro, Anderson Marques, Ruan Renato e Pará; Lucas, Wanderson e Hugo; Felipe Lima, Caprini e Caion. Técnico: Paulo César Parente.

 

O próximo confronto do Juventude é diante do Ypiranga, pelo Campeonato Gaúcho 2017, no próximo domingo (12), ás 18h (Horário de Brasília), no Estádio Alfredo Jaconi.

 

Não é mole não, tem que honrar a camisa do verdão!

Por Fernanda Andreazza